Génio de Carvalhal

Coitadinhos dos bifes. Caíram na genial armadilha do genial Carvalhal. Tudo começou em 20 de Janeiro. Sá Pinto e Liedson representam uma farsa onde simulam ofensas e agressões. Ninguém suspeitou de nada ao tempo. Seguiram-se as desgraçadas derrotas e humilhantes empates. Todos acreditaram que a equipa estava acabada, incluindo o próprio Carvalhal que era o autor deste plano. Por fim, um 1º jogo com o Everton onde se deixa no ar que eles poderiam vir até Lisboa a passeio. E assim foi: entraram no jogo com a clarividência de duas cabeleireiras de Brighton depois de três garrafas de Mateus Rosé. E pronto. Veloso, Saleiro, Djaló, Moutinho e Pedro Mendes resolveram a coisa em 30 minutos.

Segue-se o plano para esmagar o Atlético de Madrid. Coitados dos espanholitos.

5 thoughts on “Génio de Carvalhal”

  1. É o Costinha a funcionar Val. Métodos à FCPorto, carago. Hás-de ver se não entrou para a Sad nenhum tipo chamado Abel.;)) A sério… boa joga!

  2. Este comentário era algo digno dum semanário qualquer… hum… hum… deixa cá ver… hum… onde é que eu já vi isto… hum… é isso!
    Podia ser um qualquer artigo do semanário Sol!

    Que tal?!

    :P

    Keep up

  3. K, só pode ser o efeito Costinha, de facto. Nada mais explica o fenómeno do Entroncamento que desabou em cima dos ingleses.
    __

    António P., esta vitória inverte a nossa aposta, que parecia estar quase decidida a teu favor. Agora, é só Carvalhal aguentar mais um mês e picos e já cá canta. Mas… será que aguenta?… É que a este Sporting, e com este presidente, tudo pode acontecer, já se percebeu.
    __

    PMatos, podia, se eles tivessem as escutas. Sem escutas não trabalham.
    __

    jcfrancisco, muita pena o Vukcevic estar neste Sporting, pois parece estar a ser queimado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.