Génio de Carvalhal

Mais nenhum treinador no Mundo faria o que o Carvalhal está a fazer, desafiando os deuses do futebol. E é isto: abdicar da terceira substituição. Nos últimos jogos, apenas se trocam dois jogadores. Há jogadores que se arrastam estafados, ou desorientados, e, mesmo assim, têm de aguentar sem ir para o banho mais cedo. E porquê? Por um lado, para que se cumpram os objectivos de lutar pela manutenção do 4º lugar. Ora, se o 4ª lugar estivesse garantido, isso seria mau para a bilheteira. Tem de se introduzir dramatismo e levar a equipa a ter mesmo de se esforçar, talvez até a ficar sob a ameaça de acabar em 5º, 6º ou 7º lugar. Por outro lado, porque assim não joga o Vuk. Isso também é coerente, pois o Saleiro, o Djaló, o Veloso e o Moutinho garantem com muito maior eficácia a realização deste plano.

Igualmente fascinante é o facto de à entrada dos reforços de Inverno ter correspondido o início do ciclo das derrotas e dos empates. Mais uma inovação de Carvalhal, escusam de procurar exemplo sequer aproximado.

4 thoughts on “Génio de Carvalhal”

  1. Como Carvalhal teria sido útil quando os cinco violinos retiniam e deslumbravam: Jesus Correia, Vasques, Peyroteu, Travassos e Albano. Tinha transformado, certamente, um quinteto sinfónico deslumbrante numa associação mesericordiosa de ceguinhos a tocar realejo. Mais um macaquinho pedinte.
    E eu não estaria hoje a gemer de dôr, não disfarçando um olhar pelo canto do olho para o belo futebol do FCP (e até, neste ano, do Benfica, para satisfação de alguns dos meus filhos e desespero de outros, lagartos frustrados e tristes como eu).

  2. Desde há muito que venho dizendo que o SCP, este ano, tem um treinador “para não descer” e uma equipa de “meio da tabela” (cada vez mais reforçada com o refugo dos outros).
    Por isso já nada me surpreende. Desde que me mentalizei dessa realidade, deixei de sofrer!

  3. Neste jogo com o Olhanense eu estive a contar quantas vezes o guarda redes do SPORTING rematou a bola para o meio-campo do Olhanense (contei 19 depois desisti), dos 19 pontapés na bola, 17 foram parar a jogadores da equipa contraria. Foram 17 jogadas perdidas. É muito difícil ver isto. E muito mais dificil ainda ouvir um presidente dizer que o SPORTING está a lutar para o 4º lugar. Nego-me a acreditar em tudo isto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.