Famous first words

Eu sei que vou ser primeiro-ministro, só não sei quando.

Durão Barroso

👆👇

O meu projecto de vida é ser presidente da Câmara de Lisboa.

Carlos Moedas

.
.

15 thoughts on “Famous first words”

  1. Insisto.
    A probabilidade de vitória de Moedas está na percentagem do Chega.
    Só assim conseguirá o lugar de Presidente da CML.
    Logo, a questão-chave é «qual será o candidato do Chega»?

  2. Não há vergonha, isto é só a tentar manipular as mentes das gentes mais distraídas para alcançar o poder, Ainda ontem (ou hoje também, não sei) até a RTP1 preenchia horas a conversar com o Moedas, quando se sabe publicamente o que ele fez no tempo do Passos (Va de retro, sim, Joaquim Camacho, bem dito!!!).

  3. Coprolalia – tendência para proferir palavras obscenas ou fazer comentários geralmente considerados depreciativos e portanto inadequados. Explico em comentários dirigidos a comentários meus já me dirigiram o seguinte: tia (no sentido das tias de Cascais, velha (por ter escrito teem) mandararam-me a m€&#@, mandaram- me para o ohlarac,
    insinuaram no meio da argumentação que a minha se devia a Alzheimer. Valupi não fui eu que pedi para aderir ao seu blog. Alguém ou algum órgão de informação que subscrevo forneceu o meu contacto , mas isso não é grave, enquanto não pretendi comentar o que lia pois a partir do momento em que comecei a fazê-lo começou o disparate. Agradeço que retire o meu contacto da sua lista de leitores e um favor que me faz. De resto por muito interessante que me tivessem parecido os seus posts é por demais evidente que está casa é mal frequentada.

  4. “Coprolalia – tendência para proferir palavras obscenas ou fazer comentários geralmente considerados depreciativos e portanto inadequados.”

    noto que tem em dia as cotas da wiki. existem outros autores que sustentam esses comentários depreciativóinadequados serem acompanhados de manguitos, piretes e (ou) linguagem gestual alternativa. teve muita sorte, há enfermarias a abarrotar de vítimas de bordallice e sucedâneos expostos na ala direita do museu das caldas.

    “Explico em comentários dirigidos a comentários meus já me dirigiram o seguinte: tia (no sentido das tias de Cascais, velha (por ter escrito teem) mandararam-me a, mandaram- me para o ohlarac,
    insinuaram no meio da argumentação que a minha se devia a Alzheimer.”

    teve sorte: tia no sentido da feira de carcavelos é unfashion, teen é abreviatura de teenager (jovem que bebe chá de mindinho em ris-te), concordo que não está certo mandarem-na à m€&#@ (também não faço ideia ondé kisso fica) e para o ohlarac, se bem que isso talvez se resolva ao espelho (cuidado para não embaciar), agora essa coisa do alkaseltzer é insinuação grave mas pode resultar com a acidez.

    “Valupi não fui eu que pedi para aderir ao seu blog.”

    se calhar era brinde do cerelac ou então armou-se em corajosa e deveria ter carregado no botão do mário lino

    “Alguém ou algum órgão de informação que subscrevo forneceu o meu contacto , mas isso não é grave, enquanto não pretendi comentar o que lia pois a partir do momento em que comecei a fazê-lo começou o disparate.”

    aconteceu-me o mesmo quando subscrevia o finantial times, até cheguei a pensar que tivesse sido o prof. doutor aníbal cavaco silva, mas depois ouvi-o falar inglês e desisti da queixa ao ministério público, mas isso não é grave. passou-se exactamente o mesmo comigo quando comecei a comentar, eu escrevia um disparate, logo de seguida levava com 2 ou três de resposta e a certa altura pensei ir ao psiquiatra. vou, não vou, entretanto falei com a vizinha do 5º. esq. que me sugeriu que lesse isaac newton e assim fiquei a perceber que “matéria atrai matéria na razão direta do produto entre suas massas e na razão inversa do quadrado da distância que as separa”. espero ter-lhe poupado uma consulta do psi. não tem de queque.

    “Agradeço que retire o meu contacto da sua lista de leitores e um favor que me faz. De resto por muito interessante que me tivessem parecido os seus posts é por demais evidente que está casa é mal frequentada.”

    poizé, as iludências aparudem. isto é um bordel do piorio, só tarados sexuais, chanfrados dos cornos, malcariados impertinentes e tudo o que se possa desaconselhar a uma pessoa de bem como a tia. faça um colutório com quitoso e bocheche regularmente após cada leitura, spray de cloroquina no teclado 2x dia e lavagem da peruca com aguarrás ao deitar. se não passar, pelo menos alivia.

    xau
    sobrinho afastado do chega pra lá

  5. ò torres isso é o menos.
    o moedas quando foi governantes quis privatizar os transportes públicos e agora apresenta-se como defensor da política de transportes urbanos que pretendeu liquidar. lábia e falta de vergonha não lhe faltam, é googlar as palavras chaves do que defende agora juntar moedas e situar a pesquisa entre 2011 e 2014, que aparece lá o contrário.

  6. A Mjp se quer entrar em clube de meninos , como chamou à tasca , tem de ter a pele rija e responder à letra. eu tenho sempre o meu coelho Sansão à mão e uso-o na boa. -:)

  7. parece mais um prato gastronomia do autor viegas.
    clube de meninos + tasca + pele rija + responder à letra e argumentar com coelhos, é uma receita complicada e fanfarrona qb.
    bora lá ao cuzinhado.

  8. Mjp, este blogue não tem lista de leitores. Talvez estejas a fazer referência às notificações. Se for o caso, elas são voluntárias e podem ser desligadas por cada qual. Basta ir ao símbolo no canto inferior direito da página, está lá uma rodela com o símbolo da campainha.

  9. receitas deluxe:
    coelho com broa e para sobremesa piada design decorada a fardos de palha.
    é o que dá meter-me com designers de interiores de barba rija.
    tocou tão fundo kimté fiquei sem palavras.

  10. ò valupi. no teu lugar mandava o querido a casa da madame desligar a campainha, isso é capaz de ser complicado demais para a criadagem e ainda dá despedimento de inocentes se aquilo toca quando o mendes lá for aparar a relva com uma roçadeira schiller.

  11. não é interiores , a minha área é o cake design. não acertas uma.
    quando fizeres anos avisa , talvez te faça um no feitio daquilo que não vem no dicionário da tua tia.
    vou acabar de ver o xirloque , xau.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.