2 thoughts on “Exactissimamente”

  1. Ainda a procissão vai no adro. Já agora convém lembrar que a Air France recebeu uma ajuda de 7 mil milhões em 2020, depois duma re-capitalização em 1994 de 20 mil milhões. A Lufthansa recebeu a título de COVID 9 mil milhões de Eur sem contar com o fretamento pelo Estado de centenas de voos a título de repatriamento.

    Mas para os liberais do burgo só vão estar satisfeitos quando os portugueses tiverem de viajar até Madrid para os voos de médio e longo curso, sobretudos os voos transcontinentais. E acham que os turistas vão atravessar o oceano aos magotes para vir a Lisboa quando Espanha se posiciona para capturar os turistas pós COVID

    Na sua cegueira ideológica querem reduzir-nos a uma mera comunidade autónoma de Espanha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.