3 thoughts on “Exactissimamente”

  1. E se o quando foram presos uns, foragidos outros, os banqueiros portugueses há 39 anos, nunca fossem libertados pelos capitães e alferes à boca de sino?

    Agora não haveria a vingança, servida fria!

  2. se não fossem os capitães e alferes à boca de sino, hoje não davas ao badalo e não aturavamos tanta matarroanice servida a frio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.