Dominguice

Numa República, num Estado de direito, quem conseguir usar a Justiça para obter vantagens políticas tem uma posição de força que dinheiro nenhum pode comprar. Se a isto juntarmos o controlo dos principais meios de comunicação social, então a superioridade fica blindada, pode estender-se no tempo indefinidamente.

E porque é que a situação se mantém sem um vagido de escândalo? Porque muitos não pensam, muitos não ousam, e os restantes comem da mesma gamela.

48 thoughts on “Dominguice”

  1. pois , são esses e é quem consegue usar a Política para obter vantagens na Justiça , comportamento já muito antigo e que ainda ninguém conseguiu mudar.
    uma chatice -:)

  2. Estás a falar da pandemia, certo?
    Estás a falar da Graça Freitas não divulgar os pareceres, certo?
    Estás a falar do controlo dos meios de comunicação social para fazer pressão e obter vantagens politicas, certo?
    E porque é que não há um vagido de escândalo?
    Ó Val disseste bem, está tudo a comer da mesma gamela. Felizmente as eleições são já em Janeiro.

  3. Estás a falar de quê? Das ameaças feitas a família e ao Prof. FML membro de da Comissão Tecnica de Vacinação da DGS que deu parecer positivo a vacinação das crianças? Sabes que os pais não são obrigados a vacinar os filhos? Misturar isso e eleições é para quê? Achas que há dirigentes políticos, fora o Trump e o Bolsonaro, que defendem a não vacinação?

  4. A vacinação de crianças é algo (digo o na minha ignorância) estranho. Não morreu nenhuma criança compreendida nessas idades. 3 estiveram internadas em UCI e recuperaram. Para quê vacinar as crianças ? É legítimo haver dúvidas e compreendo os pais que não queiram vacinar. Os adultos, como nós, vacinamo-nos por um compromisso moral e cívico. As crianças não têm esse dever, essa obrigação. No fundo somos todos cobaias das vacinas, nunca se desenvolveu uma tão rápido.
    De certeza que se vacinarem as crianças elegíveis 4 (sei lá) irão desenvolver sintomas graves causados pela vacina. Ou seja, vai dar ao mesmo vacinar e não vacinar. Não concordo com a vacinação das crianças.

  5. percebi nada, eu já tinha cá vindo e não estava actualizado. ia para ontem.

    e o que podemos fazer, quando sabemos disso e que nada podemos – a não ser dizer que sabemos, pelo menos não nos fazem de parvos-, é chorar. chorar muito para não carregarmos o lixo dos outros – o lixo do mundo eternamente perverso e paradoxalmente injusto nisso da justiça vendida.

  6. e que as vacinas sejam obrigatórias e carimbadas no boletim de vacinas. e que quem não as toma, por considerar que a liberdade individial chega antes do cuidar colectivo, fique inibido de fruir do SNS. e de entrar nas empresas para trabalhar e nas escolas para estudar. e que as baixas não sejam pagas. talvez assim haja respeito pelo esforço de tantos perante esta nuvem preta que nos persegue a todos.

  7. dados da DGS, está no expresso: vacinar 85% das crianças vai impedir 13.500 infeções, 51 internamentos e 5 internamentos intensivos. Vale a pena vacinar as crianças ? Não, não vale. Isto começa a ser de loucos. Eu estou vacinado e discordo quase na íntegra o teu comentário Olindinha

  8. Desculpa, discordo totalmente. É doentio o que escreveste. Bem sei q as vezes usamos as palavras pelo som delas, mas tu esqueceste da significação daquilo q escreveste. Isso é muito autoritário e vai profundamente de encontro aquilo em que acredito

  9. Ó lindinha não devias escrever depois do almoço. A letra fica tremida, e não dizes coisa com coisa.
    Estás vacinada, estás protegida, alguém te obrigou a alguma coisa? Queres obrigar os outros a fazer o quê?
    Toma juízo, bebe um chá sem açúcar que isso passa, e não venhas para aqui curtir a bebedeira.

  10. ricardo, se tens filhos não os vacinas e se não tens não queiras impor os teus interesses aos filhos dos outros. não és tu e o destrambelhado que pensam pela própria cabeça? então façam o que a vossa cabeça manda e não tentem mandar na cabeça dos outros.

  11. Não tenho filhos e se tivesse não sei se os vacinava.
    Mas não fico desprovido de ter a opinião que escrevi acima. Isso mantenho. Vacinar as crianças é desnecessário (cientificamente desnecessário) e nem elas têm esse dever moral. Ponto final. Elas não devem ser cobaias como os adultos foram principalmente por não correrem perigo.
    E já agora deixa me fazer te uma pergunta. Acusas me de querer impor os meus interesses aos.filhos dos outros. Isso é mentira como é óbvio. Então e quem faz as normas para a vacinação das crianças, também não está a por os seus interesses nos filhos dos outros ?

  12. Ricardo não percas tempo, como diz o Val há muitos que não pensam, e o troll, coitadito, só deve ter um neurónio.

  13. Eu mesmo meu aldrabaozeco de estimação. Deves ser a pessoa mais detestável que aqui anda. Julgaste inteligente e portanto estendes o teu lençol de contradições, que tu próprio não assumes. Das pancada nuns, fazes festinhas noutros, misturas tudo na poção venenosa que serves. Podes charmar-me o que te apetecer. Velha, tia, que escrevo depois de almoço, que me treme a mão quando escrevo, e assim melhor mostras a baixeza do teu carácter. Inventaste em relação ao meu comentário coisas que não estão lá escritas. O que é que te leva a preocuparaste com uma tia, velha, tremula e com o que ela escreve? Não gostas , ainda bem , é por isso mesmo , por tu e outros iguais a ti não gostarem que o faço.

  14. Há ,ainda, quem confunda Ciência com fé.
    Na Ciência confiamos,na fé temos a certeza absoluta.
    Tudo o que não pode ser discutido já não é Ciência.
    Quem não entende o que aqui ficou escrito, quer falar com quem ?
    Eu só falo com quem confio.

  15. pois quem discorda do que penso e digo lá terá de levar com o que penso e digo. ou afogar-se no rio mais próximo. mais: ter disponíveis meios de protecção colectiva, que custaram esforço, suor, corrida contra o tempo, e não contribuir para a protecção colectiva deveria ser considerado crime. coima pesada e prisão – e claro que os filhos, por arrastamento, pagam pela negligência dos pais como em qualquer outra negligência. esta é mais uma razão para haver testes psicológicos para quem quer procriar.

  16. Ó mjp eu não sei se és tia, se és velha ou se és trémula mas és pitosga de certeza. Se reparares melhor eu respondi à ó lindinha, não foi a ti. Mas se a carapuça serviu, fico contente, porque no estado em que a ó lindinha está era mal empregada.

  17. acho que já tenho olhos em bico, já vivo em bico de sonhos e já dou a volta ao mundo sem sair do meu lugar. muito origada.

  18. “Então e quem faz as normas para a vacinação das crianças, também não está a por os seus interesses nos filhos dos outros ?”

    não, faz recomendações para gajos civilizados. ninguém é obrigado a vacinar-se ou pode obrigar alguém a ser vacinado.

    grunhos podem fazer o que quiserem desde que não infectem os civilizados, portantes bai lá grunhir impropérios para a caverna dos gajos que pensam pela própria cabeça baseados em pareceres alheios e se ficares infectado aproveita os congressos mensais do cotrim ou do ventrulhas para exorcizares o vírus.
    diz que vais da minha parte que fazem desconto nas máscaras e na barraca das setas.

  19. Nem de propósito, lá vem o Vieira com as merdas dele…
    Para que se perceba quem realmente decide o que o Costa e a Graça dos broches e das écharpes implementam, dêm uma vista de olhos neste vídeozito:
    https://www.lewrockwell.com/2021/04/bill-sardi/who-runs-the-world-blackrock-and-vanguard/
    Se não souberem inglês, temos pena. Creio que, se estiverem mesmo interessados, conseguem traduzir o texto que acompanha.
    Posto isto, talvez comecem a perceber que esta discussão pequenina sobre tomadas de decisão a nível nacional é um bocadinho ridícula.
    A única diferença que eu ainda consigo destacar é que, no actual panorana político, o Costa usa um pouco mais de vaselina do que os outros. Mesmo assim ainda há os que não gramam os xuxas e preferem à bruta.
    Gostos…
    Tentem, por ex. investigar que companhia é a Emergent BioSolutions.
    No site deles, diz que fabricam as vacinas para a Jansen e Johnson & Johnson (a 2ª é proprietária da 1ª, não esqueçam) mas, segundo um médico maluco da constipação chamado Heiko Shöning, fabrica a maioria das mistelas que se andam a injectar.
    Esqueçam lá as revoluções. Hoje em dia, facilmente, nos viram uns contra os outrose, se for preciso, os vacinados limpam o sarampo (ou o Covides, neste caso) aos que resistirem.
    O pessoal é demasiado nhurro, borrego e pouco solidário nada a fazer.
    Eu, por ex. fui passear à praia, apanhar sol e ver o mar. Enquanto der para fazer isso, tá-se bem.

  20. Parem com o genocídio programado das nossas crianças! Antes que seja demasiado tarde, travem o holocausto do nosso futuro! Não permitam que a maioria engula a propaganda dos mérdia e não passe duma carneirada de injetados!
    Mobilizem-se nas redes sociais independentes! Invadam as ruas!
    Não à vacinação assassina!

  21. António Silva, não existe um sociólogo que diga que a guerra é cientificamente reprovável. No entanto todos temos a certeza absoluta (dogmática ) q a guerra é um mal para as nações.

  22. Ó troll, deves pensar que vais matar o ómicrão com uma injecção da treta.
    Olha, põe a máscara que é para ficares mais inteligente.

  23. proponho o desenvolvimento de uma vacina contra a raiva com direito a boné para os portadores serem imediatamente identificáveis. no caso da internet, o som de um bombo igual ao das romarias: pompompom. pompompompom

  24. “Posto isto, talvez comecem a perceber que esta discussão pequenina sobre tomadas de decisão a nível nacional é um bocadinho ridícula.” exatamente, nos outros países da europa é exatamente a mesma coisa. Talvez por todos os países da europa serem demasiado complexados e copiarem a “poderosa” Alemanaha em tudo o que faz.
    “Esqueçam lá as revoluções. Hoje em dia, facilmente, nos viram uns contra os outrose, se for preciso, os vacinados limpam o sarampo (ou o Covides, neste caso) aos que resistirem.
    O pessoal é pouco solidário nada a fazer.” Completamente de acordo, sobre isso trago o título de um texto de opinião do Publico “Nem negacionistas tontos, nem aceitacionistas acéfalos”.

    Quanto à última frase, não devemos ser assim tão cínicos Vieira

  25. Ei são torcato, és de Guimarães? Já visitei a basílica e vi o padre na mausoléu. Nunca vi nada assim.
    O templo demorou mais de dois séculos, até originou uma expressão popular: “demora mais que as obras de são torcato”

  26. De todos os que para aqui ladraram (calma, não se ofendam..é uma piada) o único o que disse alguma coisa de jeito foi o Vieira. Todos ladram e ninguém tem razão. Não se pode obrigar ninguém, pode-se restringir sim, e muito bem. Se vale a pena vacinar as crianças? Claro que sim. É chato para a criança e para a família e para toda a gente envolvida, ficar ou não ficar doente (nunca vamos saber. A saúde não é uma roleta da sorte. Mesmo que existam estatísticas que digam que só 1 criança em 5 ficam gravemente doentes, ou lá o que seja.. ou o que digam. Nenhum de vocês tem a mínima ideia do trabalho que está por detrás de uma vacina (a não ser que tenham o mínimo de formação científica-e não estou a falar da aula de ciências até ao 12o ano). Se tiverem alguma noção, e ainda assim digam que isto é tudo uma irresponsabilidade e que foi demasiado rápido fabricar a vacina, saibam que a tecnologia de mRNA já estava a ser estudada, tem fundamento, não surgiu da noite para o dia, e além do mais, é no mínimo desajustado achar que, depois de tantas pandemias já enfrentadas pela humanidade, não conseguíssemos, no séc XXI, com os avanços científicos de que já dispomos, ser possível a producao de uma vacina de forma rápida. Se é eficaz? Se precisavamos de mais tempo? Claro que sim. Tudo na ciência exige tempo. Mas não temos tempo quando há pessoas a morrer em massa e governo atrapalhados, que agem mal, apressados e sem muita vez sem saber comunicar ciência, e comunicação social idem aspas, que geram o pânico. A burrice e a desinformação geram pânico e medo. Pânico e medo geram desordem. E o facto de o processo de fabrico ter sido rápido é simplesmente de aplaudir de pé, e não de torcer o nariz, como meninos mimados que não sabem que há muitos anos se morria de uma simples gripe. Bebam um chá e vão desanuviar que isso passa.

  27. Parabéns, Valupi, desta vez bateste (batemos) todos os records: não vejo um único comentário que aborde o post. E Deus me livre de ser excepção!

  28. O “comentariado” resolveu atirar-se à vacinação, quando a proposta era sobre
    a Justiça e a instrumentalização da mesma como arma para chegar ao “pote” !
    É óbvio que, não foi por acaso que surgiram agora as “acusações” aos ex Secre-
    tários de Estado do Governo presidido por José Sócrates, para continuar a dar
    ânimo aos direitolas mentecaptos, como se pode ver e ouvir no congresso da
    Ilusão Liberal hoje mesmo, nas diferentes televisões … ou será que somos um
    país de inocentes???

  29. Por acaso o que fazia falta nesta discussão era uma luminária, bem diz o outro ou são negacionistas tontos ou aceitacionistas acéfalos.
    “…, pode-se restringir sim, e muito bem.”
    Deves ser parente do Kim Jong-Un de certeza.
    Só mesmo um atrasado mental é que aceita que o prémio a atribuir aos vacinados seja o castigo aos não vacinados.
    Se querem fazer uma distinção, façam uma distinção positiva, atribuam um prémio pecuniário aos vacinados, agora não alimentem é a discriminação e fomentem o ódio.
    E se está tudo a ser feito de forma transparente qual é a razão para não divulgar os pareceres?
    Vê lá tu que a ciência evoluiu tanto que em pleno século XXI para te fazer um exame à próstata têm de te meter um dedo no cu.

  30. É frustrante, mas já estou habituado. Aqui o blogue é um verdadeiro diálogo de surdos.
    Mas, pela minha parte, eu explico: Não tenho muita pachorra para ler os cientistas, médicos e outros peritos aqui no blogue a papaguear as tretas que ouço e leio todos os dias nos mérdia. Prefiro uns raciocínios genuínos que, por mais estapafúrdios que sejam, sempre demonstram pesquisa e algum esforço mental
    Deu para perceber que ninguém ligou nenhuma ao vídeo que “linkei”. Uns entenderam o oposto, outros acham que não digo coisa com coisa.
    Eu a pensar que percebiam a ligação: (Spoiler alert!) controle do dinheiro, justiça, claro, dos mérdia, farmacêuticas, und so weiter…
    Talvez um dia se venha a saber quem tinha razão, se os teóricos da constipação ou os que acreditam no velhinho de barbas brancas da coca-cola.
    (Dormi uma sesta na praia, estou com insónias)

  31. Na verdade já existem métodos para que não seja preciso “enfiar um dedo no cu”. Mas eu sei isto porque leio sobre ciência. Não fico só pelos métodos antiquados. Cumps

  32. estou desejando que acabe o escândalo covid para poder começar o escândalo vacinas. está na hora de mudarem a programação , não acham , merdias ?

  33. ahahhahaha foda-se “que dinheiro nenhum pode comprar” porra! então o que corrompe os nossos representantes judiciais?! aceitam-se sugestões

  34. e fala-se de vacinas porque este post , à maneira dos que se referem ao zezito , é delirante : quem é o doctor fu manchu que detêm todos os meios de comunicação ao mesmo tempo que sabe bués podres dos da justiça para lhe fazerem as vontades todas , cheios de medo da boca no trombone ? ó pá , se as teorias da constipação valem aqui , tb valem pró covid , ok?

  35. e será possível que tenha de trocar sempre tudo por miúdos? não admira que se tenham quase todos vacinado , são tapados.

  36. já agora : tenho uma prima , o génio da família , licenciada em farmácia , licenciada em biologia , doutorada em botânica , professora titular universitária , com 6 meses/ano dedicados a investigação e 6 a leccionar , e aussi pianista ( daquelas do conservatório) nas horas vagas , e que “no se vacunó ” , nem se vai vacinar . ah pois é , bebé.

  37. Eu, ao menos, sou minimamente coerente:
    Não aceito, sem questionar, NENHUMA narrativa que me seja oferecida de bandeja pelos mérdia.
    O que está consolidado (com muito cuspo, digo eu) na opinião publica (da) não significa “facto”.
    Dando razão à idYOta, contra ela falo, porque parece que o “polvo” só ataca onde que lhe dá jeito (a ela).
    Parece que, neste contexto de poder global, o Zézito Sócras bateu com os costados 9 meses na choldra e tem a vida desgraçada porque é poderoso, controla tudo, mas só não consegue sacar os 20 ou 30 malhões que enfiou no cú.
    Deve ser porque é masoquista e, nesse caso, a justiça e os mérdia estão a funcionar de forma isenta.
    …e o partido do Ventas não é uma extensão do PSD, e o Rangel não veio reabilitar o Rio, e o PCP mais o Bloco só se preocupam com o país e os trabalhadores, etc, etc.

  38. Olindinha, se te referes ao teu das 16:35, não sei se conta, é vago e poucachinho. O das 21:05 poderá valer, se me provares que dentro dos tambores vão juízes e procuradores. Quanto às flexões, tenho uma barra no corredor, para elevações. Conta? De qualquer modo, preciso de umas semanitas para cumprir tudo. Não vou piar, mas vou fartar-me de bufar.

  39. ora , bamos lá às constipações :

    neste artigo perguntam uma cena à moça que dá razão à teoria da constipação do V , a saber : “Especializou-se na investigação do funcionamento do Clube Bilderberg, um grupo de poderosos que anualmente se reúne, envolto em grande secretismo, numa qualquer parte do mundo. Um dos fundadores é português e chama-se Francisco Pinto Balsemão. Qual é a influência do empresário neste Clube?

    e a moça dá respostas a outras perguntas que me avalizam a minha constipação

    https://www.ensino.eu/ensino-magazine/entrevista/2021/os-globocratas-tem-em-marcha-um-plano-para-tomar-conta-do-mundo/#

    mas prontes , os planos destes nunca dão certo pq acabam sempre expulsos quando já não conseguem ocultar mais o maus e vigaristas que são : ricos mas podres.

  40. os merdia de hoje , pela Jimenez :

    “. Existem, em todo o mundo, sete conglomerados de informação que difundem uma mensagem única e um sentimento único. Não há debate. Hoje em dia, os meios de comunicação são um instrumento de guerra nas mãos do poder financeiro. Felizmente, são milhares de pessoas que, graças à pandemia, estão a procurar canais alternativos de informação, tendo em vista chegar à fonte de informação e investigar por sua conta. Um cidadão passivo pode estar a transformar-se, a pouco e pouco, num cidadão ativo. Acredito que estes pseudofilantropos, que ambicionam tomar conta do mundo, são poderosos, mas não são omnipotentes. O problema é que estão a colocar em perigo o nosso futuro e a nossa liberdade. Por isso, defendo que o conhecimento é fundamental para enfrentar os tempos atuais.”

  41. pois é , x , mais vale ser doentia que ficar doente , ou que ser “crente” na ciência e nos padrescientistas que ganham o salário a ladrar o que os boss da usura e lucro lhes mandam .
    quem acha que a mole de licenciados a mato , assalariados de big empresas perseguidoras de lucro é equiparável aos dedicados curiosos dos inícios e meios do percurso da Ciência , confiando cegamente neles , é completamente tarado.
    a História está aí para se tirarem ilações e avisos…. como sabe , as pessoas não mudam , nem sequer em 2 mil anos ou mais. e quem acha que sim , merece o que lhe calhar em cima , por distraído.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.