Começa a semana com isto

Uma lição académica sobre a relação entre populismo e democracia, servida por um orador que torna o assunto tragável e até saboroso.

O painel também faz contributos muito valiosos sobre a questão.

3 thoughts on “Começa a semana com isto”

  1. (espero não ter queimado os fusíveis do Aspirina que ficou a bombar a noite toda no vídeo que ficou a meio :-))

    tendemos a pensar no populismo como algo pejurativo naquilo que Huntington chamou de terceira onda de democratização que vem no seguimento da transitologia e da consolidologia de Schmitter enquanto interpretação das mudanças de regime político, experiências, que nos trouxeram até à democratização.
    se considerarmos que um regime democrático é o alcance de uma constituição respeitada pela maioria da população, não basta. e não basta porque não pode ser entendida apenas como o resultado de um jogo de carácter racional e estratégico protagonizado pelos grupos dirigentes e principais actores políticos. é preciso, então, o populismo: é preciso a emoção na liderança por dentro da racionalidade e da estratégia. é preciso o calor humano. é é por isso que o que o populismo deveria ser não é – porque nos chegam, por toda a parte, principalmente nas economias emergentes (economias não, é muito redutor), nos países emergentes, líderes cabrões: exploram negativamente a vertente humanista.

    como bem diz Vouga, a democracia vai muito mais além de um jogo, de uma disputa, nas nuvens etéreas da ciência política dominante, não podendo ser cozinhada ou desmontada, de acordo com o vento de indeterminação e de incerteza, com as opções ou decisões tomadas por um reduzido grupo de dirigentes políticos.
    então o que é preciso é dosear o populismo por dentro da democracia. porque ao outorgarmos um espaço e um tempo excessivo às habilidades e feitos e qualidades pessoais dos líderes poderemos estar a ofuscar a compreensão da realidade política como um todo. entre a micro e a macro, é preciso um meio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *