Cândida Almeida explica

«A saída de Pinto Monteiro de procurador-geral e a sua saída do DCIAP, com as entradas, respetivamente, de Joana Marques Vidal e Amadeu Guerra, foram vistas na altura como uma oportunidade para o MP ser mais determinado no combate à criminalidade económica e financeira. Faz esse balanço?

Sinceramente, acho que não. Houve uma maior posição e vontade persecutória, mas essa vontade traduzida nos processos deu em absolvições ou decisões condenatórias muito leves. Houve acusações, que não me parece que tivessem sido em maior número mas foram mais mediatizadas, que depois deram em absolvições ou punições muito reduzidas. Vou explicar porquê. Porque não é o facto de o procurador ou procuradora-geral mudarem que muda a lei para o MP e a autonomia que o MP e os seus magistrados têm para investigar.

Agravou-se o problema dos megaprocessos?

Não.

Mas temos um problema com os megaprocessos?

Não temos. O problema tem a ver com os sistemas, os ordenamentos jurídicos de cada país. Portugal é um pais que tem um sistema muito protetor do arguido. Vou fazer a comparação entre o crime económico e financeiro e um homicídio. No homicídio, temos um corpo, as provas que ele nos dá, ou o local do crime. Na acusação temos de dizer "no dia X, às tantas horas, aquela pessoa encontrou-se com outra, depois matou-a voluntária e conscientemente". São meia-dúzia de artigos. E não são precisos cartapácios de anexos com contas. Vamos agora para uma corrupção ou para um processo de abuso de confiança. Tudo isto precisa de documentação, de perícias, tem de se provar, documento a documento, que aquilo não corresponde à verdade. Os megaprocessos são fundamentalmente prova adquirida por perícias e ela exige documentação.

A perceção que temos é de que esses processos se arrastam indefinidamente.

Vamos ver. Normalmente, seria muito estúpido que um corrupto ou um indivíduo que comete um abuso de confiança pusesse o dinheiro em Portugal. Vai colocá-lo em off-shores. Portanto, temos de pedir a colaboração do país para que nos sejam fornecidos os elementos necessários para descobrirmos o percurso do dinheiro. E isto demora muito tempo, porque os países não são obrigados a dar prioridade. Tenho um caso, o dos submarinos, em que pedimos aos colegas alemães durante anos e até hoje não enviaram documentos nenhuns. Eles não são obrigados. Havia um grupo de reflexão e de cooperação ao nível da UE e a certa altura colocou-se a possibilidade de haver uma norma de Direito Europeu dando prioridade aos pedidos dos colegas relativamente a crimes graves. Isso não avançou.»


Fonte

36 thoughts on “Cândida Almeida explica”

  1. e percebeste ?
    ausência de documentos ( óbvio , os bandidos não fazem contratos , escondem os movimentos , inventam cofres …)
    e ospois metem o dinheiro em off shores…

  2. ou seja , a criminalidade económica “moderna” necessita de instrumentos novos para ser apanhada , metam-nos lá em prática , porque já muito especialista deu ideias exequíveis.

  3. partir do pressuposto de que a análise de documentos serve para apurar a mentira é enviesar a investigação. que é isto? e a questão dos da inconstitucionalidade dos metadados, não é rectroactiva? confesso que estou tão pasmada quanto confusa

  4. E como é que está aquela cena da lei dos metadados ser inconstitucional?
    E aqueloutra do juiz contra o aborto que vai pro constitucional?
    explica aí, ó cândida

  5. perguntem à Cândida , sff , como é que vamos criminalizar os gajos das vacinas por arruinarem o sistema imunitário dos vacinados ? grupo de controle , apesar dos esforços para o suprimir , existe. podem contar comigo.

  6. Hummmm…bandido, vamos prender os tipos, meteram tudo em offshores esses criminosos, depois o MP não consegue provar nada! Os Alemães também fazem parte do cartel dis offshores, não dizem nada, não colaboram…são criminosos também, certamente!
    Talvez se investigassem com um minimo de competência, alguém colaborasse! O MP é uma corporação de inimputáveis! Com as excepções, porque quem é competente não costuma ser complacente com artimanhas!

  7. Mas porque terá sido que o caso dos submarinos foi resolvido na Alemanha e aqui no país do Tugas não
    foi ????

  8. mas quantas vezes é que os comunas têm de dizer que são contra a guerra pra o ignatzi perceber?
    quer dizer, os herois aqui são vocês, slava ukraini e tal, defesa da liberdade e coisa. se a guerra até está quase ganha porque é que não vão vocês mamar num missil russo?
    tens pé chato? o resto chato tens…

  9. ” mas quantas vezes é que os comunas têm de dizer que são contra a guerra pra o ignatzi perceber?”

    a questão não é essa, porque a rússia ainda não declarou guerra à ucrania e a situação oficialmente é descrita como uma operação especial de desnazificação e desintoxicação dos drogados que governam aquela porra. portanto os comunas não têm de ser solidários com cenas que só existem na tua ervilha pensante. depois, como apoiam descarada e incondicionalmente os motivos desta invasão, têm agora a grande oportunidade que o pudim lhes oferece, combaterem por esse grande ideal nazzionalista e participarem no genocídio do século.

    alista-te e deixa-te de cobardias.

  10. mas quantas vezes é que os comunas têm de fingir que são contra a guerra para o mula russa e o cãozinho do lavrov perceberem que também têm de fingir?
    quer dizer, os heróis aqui são vocês, slava rossiya e tal, defesa da libertação dos povos e desnazificação e coisa. se a guerra até está quase ganha porque é que não vão vocês mamar num míssil ucraniano?
    tens pé chato como o putin? o resto chato tens…

    https://i.imgur.com/G1w5Mqi.jpeg

  11. portanto, deixa ver se percebi bem, pra ti não há guerra e aceitas descarada e incondicionalmente a descrição oficial dos acontecimentos feita por um dos beligerantes?
    .
    .
    .
    e então, concluis que os que são contra a guerra já podem ir guerrear porque um dos lados envolvidos disse que não era uma guerra?
    .
    .
    .
    ok,pá!
    olha, a minha ervilha pensante está com dificuldades em assimilar tanta informação dramática assim de chofre.
    e se tu fores indo à frente enquanto eu fico a reflectir um bocado nessa tua filosofia e depois vou lá ter? não queria estar a comprometer-me com uma coisa tão decisiva sem ter certeza que compreendia as razões, tás a ver?
    na minha honesta opinião, até seria um insulto aos verdadeiros defensores da verdadeira liberdade como tu.
    e vai mandando postais com os tanques russos que já rebocaste para nós te enviarmos pensamentos&orações(TM)

  12. “lado a lado com o mário machado ”

    atão já encontraste as fotografias que tirastes de braço dado com o machadinho na ucrania ou continuas a mentir para alimentar a viagem que nunca existiu.

    “… porque é que não vão vocês mamar num missil russo?”

    muito eloquente, mas com um piquinho azedo que afecta o pretenso machismo braguilhas armani do autor.

  13. sim, senhor! grande batalhão que a ucrânia vai receber só daqui da caixa do aspirina. é só herois! e o desespero de causa em que estou só pode estar relacionado com a guerra já estar ganha pela ucrânia! viva! senti foi um piquinho a azov, vocês também notaram?

  14. a viagem do machado à ucrânia nunca existiu!
    e o massacre no texas foi encenado por actores de crise como
    em sandy hook!

  15. «Tenho um caso, o dos submarinos, em que pedimos aos colegas alemães durante anos e até hoje não enviaram documentos nenhuns. Eles não são obrigados.»

    Ganda salta-pocinhas Catherine Deneuve! Quem foi que disse que Deus não existe, quem foi, quem foi? E tem um secretário alemão, chamado Jacinto Leite von Capelo und Rego. Wunderbar! Em americano erudito: Allahu Akbar! Em mandarim da Curraleira: Alá vai acabar! Em putinês vulgar: Slava borreguinar!

    Bora! Toca a orar! Quem não souber como, toca a obrar! Ou, em cantonês popular, toca a cagar!

  16. ” a viagem do machado à ucrânia nunca existiu! ”

    não há filme nem fotografias, há umas declarações pró dúbio do advogado e outras manhosas do nazi que promoves.

    “e o massacre no texas foi encenado por actores de crise como
    em sandy hook!”

    há bués da filmes, imagens, vítimas e declarações de todas as autoridades envolvidas. mas tu continuas com comparações parvas e idiotas sobre crimes hediondos que só revelam má fé e mau caracter de quem pretende ter piada com a glorificação de actos inqualificáveis.

  17. Nem o cobarde mula russa camacho nem o cobarde mula russa goulão abrem o pio para falar de anton raevski, o ativista de extrema-direita russo, que em março de 2014, participou na insurreição armada em Odessa antes de de ir para o Donbass.
    Nem abrem o pio para contar-nos as histórias do naZi russo alexeï miltchakov, narrando as suas façanhas de torcionário dos militares ucranianos prisioneiros, ao comando do grupo neo-naZi roussitch.
    Nem falam do naZi russo neo-imperialista igor «strelkov » guirkin, antigo oficial das forças especiais do FSB, fundador do movimento ultra-nacionalista e chauvinista novorossia, implicado no apoio às repúblicas separatistas do Donbass.

  18. Entretanto, no país das maravilhas, privado de Alice, a gozar uma merecida sabática no resort de Guantánamo.

    “Customs and Border Protection bulletin: American fighters headed to Ukraine questioned at U.S. airports
    The Department of Homeland Security is worried about white supremacists returning to the U.S. with battlefield experience. Critics say it’s bought Russia’s propaganda.”
    WHAT?!

    “Ukrainian nationalist groups including the Azo[v] Movement are actively recruiting racially or ethnically motivated violent extremist-white supremacists (RMVE-WS) to join various neo-Nazi volunteer battalions in the war against Russia,” the report said.
    WHAT?! WHAT?!

    “The document shows that the U.S. government is gathering information about Americans traveling to Ukraine and is interested in their activity after they return. But critics say the focus on “violent extremist-white supremacists” echoes one of the Kremlin’s top propaganda points: that supporting Ukraine means also supporting neo-Nazis.”
    WHAT?! WHAT?! WHAT?!

    https://www.politico.com/news/2022/05/24/american-fighters-ukraine-white-supremacists-00034860

    Putinistas dum cabrão! Até no Department of Homeland Security se infiltraram!

  19. “há bués da filmes…”

    pois, e num deles o heroi pede autorização ao tribunal para não cumprir as medidas de coação a que está sujeito de forma a efectuar uma viagem à ucrânia mas na verdade não vai. vai ao slide ‘n splash no algarve com a familia.
    é uma comédia romântica.

  20. Jornalista: O der Spiegel teve acesso a um relatório dos serviços secretos alemães sobre a existência de grupos nazis na Rússia
    Major-General Carlos Branco: A maior parte dos grupos nazis na Rússia estão a lutar ao lado da Ucrânia
    Jornalista: Mas ó Major-General o que diz o der Spiegel é que há provas segundo o governo alemão de dois grupos nazis a batalhar ao lado dos russos, não ao lado dos ucranianos
    Major-General Carlos Branco: É o Spiegel…
    Jornalista: Pois, é o Spiegel e é o governo alemão, o Major-General acreditará se quiser assim como os nossos telespectadores…
    Major-General Carlos Branco: Eu não acredito nem deixo de acreditar, não tenho informações para isso
    Jornalistas riem-se… “Obrigado pela sua presença Major-General… bom dia”

    Putinistas dum cabrão! Até na cabeça do mula russa camacho se infiltraram!
    Ainda estamos à espera (sentados) que o mula russa nos venha dizer quando é que o putin lhe faz a “vontade” de dar um tiro nos cornos ou de haver que lhe dê esse tiro. Conforme “desejo” expresso pelo mula russa, no início da invasão, misturado com devaneios duma revolta
    https://www.rferl.org/a/ukraine-russia-neo-nazi-fought-with-separatists-says-kremlin-behind-war/27598825.html
    https://khpg.org/en/1420855493
    https://www.mirror.co.uk/news/world-news/russian-neo-nazi-mercenaries-who-26667959
    https://www.publico.pt/2022/05/22/mundo/noticia/neonazis-russos-estao-combater-ucrania-espionagem-alema-2007215
    https://www.outono.net/elentir/tag/alexei-milchakov/

  21. não percebo como é que um aldrabão destes chega a brigadeiro, menos entendo o como é que trabalhou na nato e incorporou missões no estrangeiro e acho incompreensível que o mantenham a comentar nos noticiários das têvês. possíveis explicações para o fenómeno:

    . 1 – o regime de promoções da tropa funciona em regime de bar aberto e stock ilimitado

    . 2 – a nato usa negaças destas em contra-espionagem para passarem informações falsas ao inimigo

    . 3 – as televisões usam estes xico-espertos para promover rogeiros & milhafres e tabernizar as discussões sobre a guerra

  22. “fodido por ser zarolho”

    muito eloquente, mas com um piquinho azedo que afecta o pretenso machismo braguilhas armani do autor

  23. “3 – as televisões usam estes xico-espertos para promover rogeiros & milhafres e tabernizar as discussões sobre a guerra”

    é a chamada contra-contra-contra-espionagem

  24. quer dizer , meio mundo preocupado com a china taiwan e a carcaça velha biden , e vocês dão só na ucrânia ? isso são peanuts comparado com o que pode sair dali.

  25. olha, o robot azov encravou. alguém lhe dê uma pancada na cabeça senão vai estar a falar do codigo morse seja qual for o tema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.