Acerca do discurso abrilista de Sua Excelência o Senhor Presidente da República

Era suposto haver limites para a hipocrisia que se pode infligir ao comum dos cidadãos, mas com Cavaco esses limites são constantemente ultrapassados e, muito provavelmente, nem sequer existem.

11 thoughts on “Acerca do discurso abrilista de Sua Excelência o Senhor Presidente da República”

  1. melhor se compreende, hoje, a opção de Cavaco Silva pela reforma do Banco de Portugal: na realidade Portugal já não tem PR.

  2. o discurso que mais gostei foi o do carlos burrinho e tamém fiquei muito emulcionado com o pedro pinto a declamar sérgio godinho.

  3. Absolutamente espantoso: cada vez mais me vou apercebendo de que, com tiradas como a de hoje e que não são inéditas, o pr Cavaco Silva é o mais demolidor critico do pm Cavaco Silva. E não é que este mísero presidente tem razão nas criticas que faz ao antigo pm?

  4. Esta canalha borra-se toda de medo de ver outra vez os «Chaimites» no Terreiro do Paço, o Vasco Lourenço de G-3 na mão, ou o Mário Soares a discursar na Alameda!

    A caravana não será bem assim, desta vez, mas os cães não hão-de perder pela demora…

  5. Ignatz,eu gostei de ver e ouvir o trauliteiro do PCP,dizer que o Parlamento é a casa da democracia.Que hipocrisia.Burrinho, é quem embarca nos ” amanhas que cantam”..Ignatz,meta na cabeça: Por eleiçoes nunca chegarão ao poder.Em 36 anos não passaram dos 12%. Falo em eleiçoes por que estou convicto que é dessa forma que quer chegar ao poder…

  6. oh da minda! pois eu não gostei de nada do que ouvi, hipócrisia barata da santa aliança e a burrice que o ps nos anda a servir. “Faremos uma rotura democrática com quem baixar os braços”, o que é que o burrinho quer dizer com isto, deve ser a prima da “abstenção violenta” do chefe da banda. tinham feito bem em não comparecer ao velório do 25 de abril.

  7. Ignatz,se não sabe o que o “Burrinho” quiz dizer? pergunto,o Burrinho é ele? Ele clarificou essa afirmação no final do debate quando foi entrevistado.Ignatz,pela sua argumentação vou-lhe fazer uma pergunta, para me adaptar à realidade.já tem acesso a filmes para maiores de 16 anos? .Eu sou Zé, alcunha Minda

  8. prontes, tá bem senhor zé, alcunha minda!

    .1 – escusa de ficar tão enxofrado, que ainda não tive a intenção de o ofender, antes pelo contrário.

    .2 – o scolari tinha mais sentido de humor, apesar de eu não apreciar o estilo.

    .3 – só ouvi o discurso e chegou. painéis interpretativos, forums de esmiuçamento e traduções deixo para as claques.

    .4 – não percebi qual era a pergunta adaptadora e a sua relação com fimes + 16.

  9. DEIXEM-ME TRABALHAR ! DEIXEM-ME TRABALHAR !
    Meus senhores:
    Se me deixarem trabalhar, não vou ter tempo para discursar, sabiam?
    Sem discursar, ninguém vai perceber que eu não digo coisa com coisa. Tá bem?
    E vocês pensam que eu sou presidente para quê? Para falar? Eu quero é mais uma pensãozita, porque as minhas reformas e a da nha Maria, já eram, entendem? Órócará… ter ein?
    … Seus nabos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.