Os Marques

Pergunto-me se o porta-voz oficioso do Governo que dá pelo nome de Marques Mendes é remunerado na sua função de linguarudo. Não há semana em que não complemente com informações mais precisas, apimentadas ou indiscretas as veiculadas pelo porta-voz oficial Marques Guedes, prática que parece não incomodar nada o Governo. Pelo contrário, parece inserir-se na ordem das coisas. Até as críticas que vai tecendo parecem ser carimbadas pelo Governo, uma espécie de Pedro a falar com os seus botões.

Para Marques Mendes, “neste momento há uma guerra em perspectiva dentro da coligação. O PSD estuda um aumento do IVA e o CDS-PP opõe-se terminantemente”.

Segundo o que referiu o comentador no seu espaço de comentário no “Jornal da Noite” da SIC, “a intenção da ministra será passar o IVA de 23 para 24%, a taxa máxima”.

O comentador discorda de um possível aumento de impostos e afirma que “há folga para tapar buraco sem recorrer ao aumento de impostos”.

“Há uma folga na ordem de mil milhões de euros para tapar buraco no final do ano”, sublinha.

O governo está obrigado a cumprir meta de 4% de défice até ao final do ano.

Para Marques Mendes, “não podem ser os contribuintes a pagar a ineficiência, o desleixo dos ministros”.

“A economia está a crescer ainda de forma débil”, afirma.

“O governo não pode andar a fazer uma coisa e dizer outra, com avanços e recuos”, reiterou o comentador.

“São sempre os contribuintes e consumidores a pagar o desleixo governativo” e por isso “deve haver cautela e cuidado”, lembra.

“Vai ser difícil ter folga para baixar impostos no próximo ano” “mas país não pode aceitar  mais aumentos de impostos nem  há razões que o justifiquem”, disse.

2 thoughts on “Os Marques”

  1. marques mendes,faz o papel de porta-voz quando dá as boas noticias,e faz o papel de lider da oposição quando critica o governo,substituindo o “carismatico ” tozé seguro, quando ele anda em peregrinação pelo pais a agradecer aos seus de-votos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.