Catarina Martins congela o sorriso com Costa

Confrontada com o programa real e totalmente delirante do Bloco de Esquerda e com a sua mera retórica, Catarina insiste na mentira em relação ao corte das pensões alegadamente previsto pelo PS, parece um disco partido a que o moderador não acode e continua a sorrir. Não foi bonito vê-la passar de um sorriso rasgado para um sorriso amarelo. Mas estava a pedi-las.

(Acabei de ver o debate entre os dois na TVI24)

22 thoughts on “Catarina Martins congela o sorriso com Costa”

  1. Também acabei de ver o debate Catrina/Costa e confirmei que o Catarina contra tudo e contra todos imagina-se em palco e recita com uma linguagem fluida e rápida , que até parece que debita verdades e sound bites inquestionáveis ( o do corte das pensões é intelectualmente desonesto) . Quando confrontada com alguém que lê os papéis em que se suporta, engasga (aquela das medidas incluídas num anexo a desdizer o que tinha sido escrito antes é de rir à gargalhada). Uma artista sempre em palco, a Catarina.
    Também notei a sua “proteção” pelo moderador, o que vai em linha com os elogios que toda a direita e comunicação social vêm fazendo quer ao BE quer ao PCP (até o prof. Martelo!).
    Nada de novo, portanto.

  2. Hoje a Catarina não levou o Costa ao tapete. Parecia mal, é preciso defender o “mãos inchadas”.

    O debate entre o Costa e o Jirónimo vai ser engraçade. Parecem colegas de “trabalho”. Who needs Corbyn?

  3. Eu que tenho vindo a elogiar aqui a prestação da Catarina Martins na Campanha também gostava de lhe continuar a fazer justiça. Hoje contribuiu e de que maneira para o melhor Costa da Campanha até à data. Excelente! Sobretudo ao deixar muito claro que é o único candidato com estrada para o cargo a que os dois se candidatam. Se bem que ficou provado precisamente o contrário. Para a Catarina finalmente o banho de realidade inevitável. Temos pena. E ainda lhe ficou pior a tentativa descabida de estabelecer condições no debate público para um possível entendimento que nunca conseguiu à porta fechada. Que novidade. De qualquer forma parabéns aos dois pelo debate muito esclarecedor.

    E vamos lá continuar a ver o Octavinho levar nas orelhas no Prós e Contras.

  4. Costa esteve muito bem !
    Muito bem mesmo !

    Mas agora estou a ver o Pros e Contras e está a ser uma delícia ver o Miguel Sousa Tavares a dar nos cornos do Octávio Machado.
    Também está lá a Elina Fraga e mais um outro tipo (ao lado do MST) que tem estado óptimo.
    Além disso, do lado do Octávio está o Dr Magalhães e Silva que de vez em quando dá umas ferroadas no mesmo, e o outro tipo que supostamente deveria ser “pro” é uma amiba completamente amorfa.

  5. Miguel Sousa Tavares, Nuno Garoupa, e Elina Fraga -MUITO BEM !
    E o Dr Magalhães e Silva do lado dos “pros” também deu umas e outras na direcção certa.

    Octávio Ribeiro – um nojo, mas a levar nos c…
    E outro nem sei quem era mas também não interessa nada.

  6. o outro que não interessa nada foi o que deu mais porrada no ministério público e uns bons encostos no 8º ribeiro. o garoupa foi lá para armar a confusão caso aquilo desse para o torto e marcar terreno da fundação merceeiro pensamento único. começou por dizer que discordava do rangel, mas que o assumpto devia ser discutido e de seguida que ia preparado para outra discussão, a justiça ao serviço do povo, para acabar por dizer nim e dar o benefício da dúvida à bubadeira da cruz. aquela porra acabou com ceo do manhólas a dizer que apoiava o programa do ps para a justiça.

  7. A Catarina Martins e o António Costa ainda não perceberam que a nossa dívida pública tem vindo a ser reestruturada desde que os juros baixaram e vai continuar a ser reestruturada, silenciosamente, legalmente e sem lesar nenhum credor.
    O actual governo tem estado contrair dívida a juro baixo para liquidar dívida antiga de juro alto e alterar os prazos de pagamento.
    É assim que se reestrutura. Pelas contas dos economistas liderados pelo anémico Centeno e pelo balofo e pançudo Costa 2+2=7. Xuxaria incompetente !

  8. Isso não é verdade, senhor Sousa. A coligação não está a pagar dívida com emissão de dívida.
    Tê-lo-á feito num caso circunstancial, para pagar parte da dívida ao FMI com emissão de títulos de dívida transaccionados a juro mais baixo, mas, mesmo no caso, restam dúvidas e a transparência não está tão consolidada.
    O estado tem vindo a obter créditos no mercado para cobrir défice orçamental. Essa é a verdade.
    Dois mais dois não são sete, mas dois menos dois também não.

  9. Mas há realmente um corte nas pensões , mas já era de esperar esta reacção dos apoiantes do PS . Afinal o programa foi elaborado pelo Centeno que de esquerda não tem nada.

  10. Aquilo a que pomposamente alguns chamam agora de reestruturação da dívida (estilo Passos), não é mais do que empurrar ainda mais para a frente um problema sem solução.
    É claro que esta conjuntura de juros baixos, com o apoio do BCE, permite exactamente empurrar o problema para as gerações vindouras.
    Contudo logo por azar, essas gerações vão continuar a emigrar e qualquer dia esta merda fecha!

  11. A Catarina Martins mostrou de que fibra é: não se importa, quando dá jeito à sua bandeira partidária, ser intelectualmente desonesta. Trambiqueira como Passos e Portas. Não admira que tenha estado de alma e coração ao lado deles para chamar a troika, quando chumbaram o PEC IV. A peixeirinha de esquerda insistiu até ao fim que congelar pensões é o mesmo que cortar pensões. Vamos supor que recebe, no inicio de 2016, 1500 euros de pensão. No final da legislatura de Costa receberá esses mesmos 1500 euros, salvo se houver uma acentuada inflação (frisou Costa). Claro que a inflação faz com que aquele valor fixo dê para comprar menos coisas. Mas é um custo que tem de ser suportado, face à degradação das contas da Segurança Social por causa da diminuição drástica das contribuições nos últimos 4 anos. Ora, ao meter PS e coligação de direita no mesmo saco, a peixeirinha esqueceu-se de dizer que a proposta da direita corta efectivamente nos seus 1500 euros e é com este valor reduzido da pensão que o pensionista ainda vai ter de suportar as perdas da inflação. A peixeirinha não se fez de burra; não resistiu foi a copiar a demagogia de Portas e Passos. O BE e o PCP continuam os eternos aliados indefectiveis da extrema direita que assaltou o poder com a sua decisiva ajuda. Parabéns, esquerda verdadeira! Conseguiram varrer Abril do mapa continental (na Madeira já fora).

  12. Depois de António Costa ter conseguido esmagar Passos Coelho no debate, o melhor que lhe poderia acontecer, posteriormente, seria debater com Catarina Martins e Jerónimo de Sousa. A razão é simples: A direita continua a defender a tese da irresponsabilidade e dos perigos associados do programa eleitoral do PS, mas é debatendo com estes partidos que se percebe que o trabalho liderado por Mário Centeno é bastante responsável. Se alguns querem passar a ideia de voltarmos ao abismo, a Catarina Martins fez questão de mostrar que não, que é um programa bem moderado. E assim se conquistam votos ao centro. Depois Costa foi genial a arrasar a retórica do Bloco e disse preto no branco aquilo que tem que ser dito sobre a recusa da extrema-esquerda em querer participar em soluções de governo. E assim se conquistam votos à Esquerda. Era difícil correr melhor a Costa o debate de ontem!

  13. Aliás, a COMUNA ESQUERDALHA da Catarina Martins só tinha que dizer – como disse – que o programa do Touni é PATETICO e depois ia embora à sua vida.

  14. o que salvou a catarina foi a paciência do costa, se o tem conseguido irritar mais cedo talvez levasse com o péque4 no focinho.

  15. catarina matrins foi simplesmente desonesta ao insistir no corte das pensoes.depois de repor as pensoes,não as aumentar (pode ser uma medida só para os que ganham mais)não é efectivamente a mesma coisa do que cortar.atenção,aquela disponibilidade para alinhar com o ps se….. é simplesmente uma caça ao voto.o bloco tal como o pcp sabe muito bem que o poder queima e por isso não o querem.o anexo foi como o outro a espreitar atras do arbusto.fodeu-se.

  16. Ao debater com a Catarina o Costa deixou bem claro as semelhanças com o Passos.
    Ter um liberal como o Centeno a coordenar o programa é bem revelador. Então o PS não tinha lá mais ninguém para o fazer? Podiam pedir uma ideias ao Corbyn, considerando o esgotamento de ideias de esquerda ( raios vos partam com a verdadeira e a falsa, se enfiam a carapuça é por que vos serve bem). Como diria o Moretti: diz qualquer coisa de esquerda, porra!

  17. Hum, «Touni» mencionou que os «esquerdistas NUNCA apresentam soluções», na sua conversa com uma tal COMUNA catarina…na verdade, o gajo não é de esquerda, não é esquerdista, mas se o for, também não tem soluções. É um desertor comuna com desejos de capitalismo confortável, muito bem protagonizado por um tal Vara e Sócrash…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.