Abusivamente em seara alheia

O DN decidiu, já há uns tempos, oferecer uma página regular ao diretor da revista espanhola Actualidad Económica, Miguel Ángel Belloso. O senhor é nitidamente de direita. Para ele, o Estado está sempre a mais e o mercado deve reinar, pois é o únco garante da «honestidade» dos seus agentes. Abstenho-me de comentar. Por nós, sabemos e pagamos bem o que o setor privado pode fazer de bom à comunidade. Tudo bem. Belloso dirige um órgão de comunicação social, é honesto e não precisa do Estado.

Apesar de não faltarem colunistas de direita na nossa imprensa, hordas deles, saídos das tocas muito recentemente, o novo diretor do DN tem todo o direito de convidar quem entende, de fora e do quadrante político que entender, para comentar a nossa atualidade. O problema está em artigos como o que hoje é publicado e que versa sobre a corrupção.

O artigo é escandaloso. Em primeiro lugar, porque se distribui em redor de uma foto de grande dimensão de José Sócrates, o que, além de provocador, é totalmente abusivo. Em segundo lugar, porque o autor afirma repetidamente e dá como adquirido que o ex-primeiro-ministro estimulou a corrupção enquanto esteve no governo e, não é demais concluir, era, ele próprio, corrupto, tanto mais que foi parar à prisão.

 

Que Belloso não goste de Zapatero é uma coisa. Que parta daí para declarar que os governos socialistas em geral, e em todo o lado, nomeadamente no país vizinho, propiciam a corrupção, já é outra bem diferente. Como se o PP não fosse um poço de escândalos nessa matéria e os empresários, os privados, não tivessem levado o mundo ao colapso. Mas que vá tão longe ao ponto de nos vir dizer, quase preto no branco, que Sócrates está preso por ser corrupto já não se admite. O que sabe Belloso?

11 thoughts on “Abusivamente em seara alheia”

  1. Por nós, sabemos e pagamos bem o que o setor privado pode fazer de bom à comunidade

    Eh eh eh. Penso que todos nós sabemos bem o que estamos e continuaremos a pagar com os desvarios dos socialistas. E o que já pagámos anteriormente … que saberá esse senhor que nós não sabemos. Nada … O partido socialista é e sempre foi um partido de corruptos que desde o 25 de Abril usa o país para benefício próprio .

  2. oube, panalupi, o que sve Belloso? o gaju save tantu quantu bocê, pá, e os oôtros candem aí a defendere o Socrash, minha, tás a bere. O gaju num cunhésse o prucessu, bocê tamém nãoe, até o socrash dize ca num cunhésse, portantus, cumu é cá tanta malta adizere caquela gaita tá toda ilagale, hein? oube, o belloso deitiuçe a adibinhare, tás a bere, cumu tue.

  3. Esta foi uma aquisição da nova? direção do DN, veio em
    substituição do B.Bastos, em janeiro próximo deixarei de
    comprar o jornal porque o único aspecto positivo, desta
    direção foi acabar com as folhas de anúncios de sexo!
    No caso em apreço, é uma página para passar sem ler por-
    que o sr. Belloso não conhece o nosso País é vê-se ser um
    admirador do Franco!!!

  4. primeiro que tudo,Pénélope, ainda bem que o aspirina não soumiu. Uff!! gaita que apanhei um susto ontem. Até me sinto envergonhada,corri a blogosfera a berrar que apagaram o Aspirina e convencia-me que era coisa do Sis, do Relvas,do Juiz, sei lá. Nem dormi a noute passada, a pensar como é que ia passar dali para a frente sem um dos meus blogues mais simpáticos. Uffaaa! Deo Gratias!

    Quanto ao Belloso, é mais um à saraivada, como o palermoide do Sol que hoje já se saiu de novo com um titulo muito infeliz… perdoe-me o uso da expressão mas estes totós vão para a p… que os p… Mais o Juiz com cagufa.

    http://expresso.sapo.pt/inseguranca-obriga-juiz-mais-poderoso-do-pais-a-mudar-de-instalacoes=f903432?utm_source=newsletter&utm_medium=mail&utm_campaign=newsletter&utm_content=2014-12-19

  5. Como o Mundo está nada melhor que mais uma profissão de fé nos mercados. A semana passada tinha-lhe dado para se atirar ao Papa Francisco – talvez o último grande herói a nível mundial – e por causa do combate à pobreza!? E quem lhe respondeu para repor a verdade foi um democrata cristão, Freitas do Amaral. Que lembrou que até hoje o único sistema que foi capaz de eliminar a pobreza, reduzir significativamente as desigualdades e instaurar a solidariedade humana foi o Estado Social Europeu e não nenhum fundamentalismo nos mercados, que nos conduziu a todos e nomeadamente Portugal onde está hoje.

    Voltaremos um dia a ter líderes europeus que não hesitarão em conotar a agressão das agências de ratings e em 1º lugar à Grécia com a evasão da Polónia. Infelizmente desta vez não houve aliados e foi cada um por si. E nós com o Roosevelt de Boliqueime e o Pedrinho, que é quase uma reencarnação perfeita de Churchill. Em suma, dois grandes vultos da política nacional e internacional, menos o Cavaco que não é político.

  6. “almeida santos”,se não fossem os socialistas liderados por mario soares a defender a democracia,o teu pai por falta de condiçoes politicas e economicas,tinha mandado a tua mãe abortar.pelo teu pensamento… parece que não se perdia nada!

  7. O senhor é nitidamente de direita. Para ele, o Estado está sempre a mais

    Hitler achava que o Estado estava a mais? Franco achava que o Estado estava a mais? Salazar achava que o Estado estava a mais? Ou eram de esquerda?

  8. Hitler era anti-capitalista, não defendia o mercado livre achando que este deveria ser controlado pelo Estado, criticava a visão economicista e era anti-semita. No fundo, um homem de direita

    Estaline era anti-capitalista, não defendia o mercado livre achando que este deveria ser controlado pelo Estado, criticava a visão economicista e era anti-semita. No fundo um homem de esquerda.

    Margaret Thatcher centrou as suas políticas na desregulamentação do sector financeiro, na flexibilização do mercado de trabalho e na privatização das empresas estatais. Thatcher considerava os judeus residentes em Finchley como “seu povo” e tornou-se membro fundadora da Liga de Amizade Anglo-israelita de Finchley, bem como membro dos amigos conservadores de Israel. No fundo, uma mulher de … direita, obviamente.

  9. Não acredito. O mundo é pequeno. Eu achava que não ia encontrarme mais com o personajem , mas bem pensando na minha saude psíquica, e ora esa, no aspirina , um excelente post da penélope, encontrome com ele.
    Nas Tvs. espanholas, ja ninguém o chama para opinar. Teve uma tempada que anduvo de percurso duma a outra, mas ele é chato, é uma palermice, é uma esterqueira de mentiras, trabalha para os corruptos. Não tinha público.
    Por Deus , ouvir este homem , absurdo, retrógado patalógico, liberal utra, com um argumentario que subleva o auditorio quando ele fala. É um provocador e duvido da sua inteligencia. Trabalha para grupos económicos e intereses concretos. Trabalhou como periodista de Banca. Para ele um lançamento dum cidadão da sua morada ( em galego desafiuzamento) é o problema dum individuo que não supo optimizar os recursos económicos que tinha a disposição ou seja um fracasado para o que não se deve olhar. O Estado só intervem para ajudar os bancos e nada mais.
    Vai falar de corrupção um homem que fica de cheio rodeado dos mais grandes corruptos de Europa. Porque não se trata de pessoas corruptas, além disso o partido do Governo de Espaha é uma rede crimoso para fazer corrupção, e está acreditado.
    Um colega do cerne da corrupção vai dar conselhos sob a corrupção, há gente que é capaz de tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.