Mais um fiasco

A equipa de Vítor Bento ainda não aqueceu o lugar no Novo Banco e já está de malas aviadas. Mais uma burrada do Carlos Costa, mais um fiasco monumental do governo.

O slogan do Novo Banco é, ou era, Um bom começo, dando a entender que estava no bom caminho e que dias felizes se avizinhavam. Na realidade, o banco estava “parado”, como disseram os porta-vozes de quem lá trabalha, atribuindo a culpa disso ao governo e ao BP. Tirando a ingénua equipa de Bento e o pessoal da casa, parece que ninguém mais queria que o “banco bom” começasse coisa nenhuma. A concorrência, que teve que pôr lá dinheiro, quer reavê-lo já e, se possível, ficar com os clientes do banco.  Aproximando-se a hora da verdade, o governo confessa agora não acreditar na estratégia de engorda do banco antes de ser vendido e quer desfazer-se dele quanto antes. Por tuta e meia, como o BPN. Nem que tenha depois que aumentar o IVA para 30%, pondo as culpas no Sócrates. Talvez ainda pegue…

3 thoughts on “Mais um fiasco”

  1. e ninguém pede a demissão do presidente e líderes da asfixia bancária? o cavaco diz que não que não lhe deram toda a informação, o coelho responde não tem porque não pediu e sexa engole dizendo que não há conflito entre a presudência e o aldrabão-mor que chefia o governo.

  2. A cena é um conluio entre as três entidades: governo, bp e administração no novo bes, para que o resultado seja um novo bpn devidamente ampliado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.