Perícia

Manobrava o automóvel com perícia

Como num filme uma nave espacial

No Marquês havia o carro da polícia

Não evitou que ela chegasse triunfal

À Braamcamp que devorou com rapidez

A olhar o Largo do Rato em confusão

Sexta-feira, fim-de-semana, fim do mês

Mais dinheiro nos motores de combustão

Antes já passou sem vislumbre de medo

Na tão caótica Avenida Duque de Loulé

Sobre os comandos actuam sem segredo

As mãos e o hábil toque no pedal, do pé

Partiu veloz na direcção das Amoreiras

Atenta a manobras tão perto da loucura

Eu vi ao fim destas duras sextas-feiras

Apenas a perícia salva piloto e viatura

5 thoughts on “Perícia”

  1. Peço desculpa pois ao contrário do que aconteceu no poema «Belém-Porto Brandão» no qual referi o nome do António Brito, desta vez esqueci-me de o referir como autor da foto. Foi com a pressa não foi por mal. Um abraço ao A. Brito e aos leitores peço desculpa pelo lapso.

  2. Se não fosse a insistência da família, eu teria ficado sempre passageiro do ” comboio suburbano com destino a Sintra, ” expressão ofensiva com que a CP continua a tratar os que lhe compram bilhete . Suburbanos são eles, os gestores da CP, que até nem tem comboios urbano!
    E passageiro dos autocarros da carris, de peferência no segundo andar, se possível nos lugares da frente.
    Era arriscada, então, a aprendizagem do trânsito de Lisboa, a bordo do carocha de dois volantes e pedais duplos !
    Era o tempo do Fiat 127.
    Com amizade
    Jnascimento

  3. Em 1979 ainda apanhei desses carochas no ACP no Campo Pequeno. Havia um senhor major que ensinava oi trânsito com bonecos nos cruzamentos num quadro de madeira. Com ele aprendi que uma auto-estrada não tem cruzamentos…

  4. Aqui para nós, acho que te safarias melhor se não insistisses tanto na rima. Até um leigo na matéria, como eu, percebe quando metes rimas à marra por falta de inspiração ou excesso de preguiça. E fica-te tão feio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.