Só encontraram poliéster nas golas?!

Estou impressionada com esta nova polémica. Houve um génio que olhou para uma etiqueta e viu ali material do melhor para atingir o Governo. E resultou. Agora estou à espera que os seguidores deste génio, jornalistas, comentadores e membros da oposição, olhem com a mesma atenção para as etiquetas da roupa que têm vestida enquanto bradam aos céus por tanta incompetência dos governantes. Se calhar vão ficar espantados com a quantidade de poliéster que vão encontrar. O problema é que as roupas das pessoas a quem foram distribuídas as tais golas não são diferentes. Ou seja, para o tal génio, e seus seguidores, o perigo está unicamente nas golas e é um escândalo se não forem imediatamente substituídas. Já se forem as blusas, as calças ou qualquer outra peça de vestuário a pegar fogo… é azar.

Uma vez que o que os move é com toda a certeza a segurança,  e só a segurança, das populações que habitam em zonas de risco, não será melhor exigirem ao Governo que lhes substitua também o guarda-roupa altamente inflamável?

36 thoughts on “Só encontraram poliéster nas golas?!”

  1. Sorte a minha que uso cuecas de algodão, quando Deus Nosso Senhor me enviar para o cabrão do Inferno salva-se ao menos a tomatada. Não? Ora porra para o algodão!

  2. Nem conhece a cruz vermelha internacional para fazerem uma consulta nem empresas de venda de equipamentos de higiene e segurança. É que se era para brincarem aos incêndios, os 200 e muitos mil euros gastos no marido da outra é muita massa a arder. Iam à loja do chinês e pronto.

    tenho uma tortinhas de mel e trago a lira…se for preciso trago o hércules.

  3. Não é só o poliester, é o nylon, o elastano etc etc etc.
    A roupa de homem ainda escapa, mas na roupa de mulher é atualmente muito difícil encontrar peças que não contenham fibras sintéticas.

  4. … que não tem o produto e o mais parecido que se arranja é de papel com um custo semelhante.
    https://www.extincendios.pt/pt/search?controller=search&orderby=position&orderway=desc&search_query=golas+antifumo&submit_search=

    “alguém me explique porque foram contactadas empresas de turismo, marketing e comunicação e de confecções para tratarem do kit.”

    até explicava, mas tão burra que és nunca irias perceber

  5. percebi sim, usaram empresas de marketing e tretas porque eram brindes iguais aos bonés, esferográficas e merdices que oferecem os partidos nas campanhas para apanhar totos nas urnas. fizeram propaganda partidária com dinheiro do Estado, coisa que deve ser usual na oclocracia.

  6. òconacracia! fundamenta aí as tuas percepções que consubstanciam a teoria de propaganda partidária com os kits boné+esferográfica&merdices que o governo andam a distribuir com o teu dinheiro, pode ser com um link da extincendidos que eu não me importo. deves andar contusa do marketing dos mortos, do turismo fúnebre da comunicadeira social judite suza e das confecções das direita para levar uma abada na próxima cena com urnas.

  7. sim , também se pode dizer que vivemos em vulvocracia dada a crescente feminização dos homens e a estigmatização dos atributos masculinos . que gaita , vulvocracia e oclocracia, nem Gasset imaginava.

  8. Guida, se as calças de alguém derreterem junto a um incêndio a culpa será de quem as usa nesse cenário. Outra coisa é ser a Protecção Civil a fornecer vestuário para ser usado numa fuga a incêndios fabricado com material plástico. Não lembra ao diabo.
    Alguém fez asneira e da grossa.
    Digo eu, que socialista me confesso.

  9. mas as golas eram protecção individual para fumos ou para incêndios? era só pra saber, porque todas as protecções individuais respiratórias que existem no mercado são feitas em materiais que ardem. viram aqui uma oportunidade de pegar fogo ao governo e bora lá criar uma polémica taxista-leninista que a pandilha socialeira vota em nós. depois há uma cambada de conas que gostava de passear entre as chamas com vestimentas fornecidas pela protecção civil com direito a livro de reclamações.

  10. Caro Pandil,

    Porque é que vexa antes de opinar não submete a teste de fogo as celebradas golas? Vá, experimente , pois verá que depois se vai sentir muito mais confortável a desancar em “quem fez asneira” e a tipificar se a dita é “grossa”, delgada ou apenas inventada.

    Saudações.

  11. ricardo, as golas não resistem ao fogo, suponho que nem ao calor intenso . Por outro lado e pelo seu tom acho que não percebeu nada do que escrevi, só deve ter lido a parte da confissão politica.

  12. Caro Pandil,

    Percebi muito bem, sim. E como tenho alguma experiência no assunto, até poderia ter-lhe sugerido que aproveitasse a oportunidade para submeter tb a prova de fogo directo as golas “pro” dos “canairinhos”. Se nos finalmentes concluir que apenas o amianto não arde quando expostoa chama directa , será que vai defender que as golas anti fumo ( pois é só e apenas essa a sua função ) devem ser fabricadas em amianto ?!

    Salut

  13. Pandil, não assisti a nenhuma acção de sensibilização, mas creio que a primeira coisa que disseram às pessoas foi que abandonassem as suas casas e procurassem um lugar seguro bem antes do fogo se aproximar. As golas, muito provavelmente, foram usadas para chamar a atenção para a importância de se protegerem as vias respiratórias, com golas ou outra coisa qualquer. É que, como toda a gente sabe, dependendo das condições meteorológicas, o fumo pode chegar muito antes do fogo e pode atrapalhar e muito a fuga das pessoas. Mas no caso de serem surpreendidas pela aproximação do fogo, de que serve terem apenas as golas resistentes?

    E, já agora, com tanta voz escandalizada, e se a ideia é salvar as pessoas com estas golas, não te surpreende que ninguém tenha contestado o facto de só terem sido distribuídas 77 mil? Então e o resto das populações? E mais: devem ser distribuídas só aos residentes em zonas de risco? E como é que se determinam as zonas de risco?

  14. É só para avisar o pessoal que o gajo das 22:47 fugiu do manicómio hoje durante a hora da visita, e anda a procurar alguém que lhe dê um gola.

  15. cartografia de risco ???? cartografia de áreas ardidas com dados de vários anos ? instituto nacional de conservação da floresta dá os dados a quem quiser….

  16. Guida, nos fogos de Pedrogão Grande houve fugitivos que relataram alcatrão derretido e nessas condições usar golas de plástico não deve ser muito saudávell. Porque raio não foram feitas de material resistente e confortável mesmo em condições extremas?
    Já nem vou falar dos habituais amiguismos na escolha de fornecimentos e empreitadas tão ao jeito de quase todos os eleitos, sejam de que partido forem. Uma praga.
    Voltando à confecção , continuo a pensar que alguém meteu água e da grossa. Sorry.

  17. “Porque raio não foram feitas de material resistente e confortável mesmo em condições extremas?”

    em vez de fazeres perguntas estúpidas, poderias dar respostas inteligentes. o único material resistente ao fogo, já aqui foi dito duas vezes, chama-se amianto e não é confortável para os pulmões. ele é pragas de corrupção & incompetências grossas na confecção de coca-golas, não há paciência para tanto taxista desocupado. os comentários deste gajo que diz votar socialista estão ao nível dos autedóres do ventura.

  18. ouvi dizer que o kit tem uma bússola de plástico e um mapa, não sei se é verdade … se for verdade , o ti manel , que conhece aquilo desde miúdo, diz que já se vê no meio do fogo a estudar o mapa, um luxo.

  19. pandilhaouláoqueé, não te armes em lorpa.
    A voz do dono das golas:
    “Foram fabricadas 70 mil golas com material inflamável e sem tratamento anticarbonização no âmbito do programa “Aldeia Segura”.
    “A empresa que forneceu à Proteção Civil as golas antifumo alega que não tinha conhecimento da finalidade a que se destinavam, achando que a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) apenas queria material publicitário.”
    “o responsável pela empresa Foxtrot Aventura, de Fafe, esclareceu que não produziu os coletes, reconhecendo que as golas distribuídas no âmbito do programa “Aldeia Segura” não são adequadas.
    “As golas não são para proteção em caso de incêndio”, reconhece Ricardo Fernandes,”
    Ou seja, se solicitado teria sido possível um tratamento contra o fogo.
    Se é de amianto ou não, não faço ideia, também não é coisa para ir dormir a sesta , é para usar em fuga, uma hora no máximo.
    Mesmo o amianto seria decerto melhor para os pulmões do que respirar pelas golas que “libertam um cheiro intenso a cola” ou o fumo puro. Né?
    Estudasses pá!

  20. tens razão, se juntares 4 citações da pasquinada habitual com 2 interpretações tuas sobre a matéria versada, temos artigo para publicação cientóina. nobel vem já de seguida.

  21. afinal, está visto que o amigo Pandil deu uso à nossa sugestão e foi fazer o teste antes de falar sobre os seus resultados e já percebeu que até há uma diferença entre a qualidade do que é inflamável ( que entra em combustão na proximidade do fogo ) e do que arde sob a acção de chama directa. Pena foi que em vez de terem colocado apenas a gola a 20 cm da chama, o experimentador não tivesse também colocado a cara dentro dela, para depois nos esclarecer em que estado teria ficado passado o tempo de exposição ao fogo que considerou necessario para deixar o tecido no estado em que foi publicitado. Mas que interessa esses “detalhes” quando o que importa assim mesmo mesmo continua a ser “tombar ministros”, seja por meterem folga quando deviam estar a guardar paióis, seja por os adjuntos oferecerem á populção versões light de equipamento de sapador florestal, ou pelo mais que já deverá estar na calha, não é ?

  22. ora, nesta hora , as últimas novidades são : as golas não inflamam mas também não protegem as vias respiratórias…pelo contrário, podem provocar graves crises respiratórias , o poliéster aquece e emana vapores , plastificando os pulmões.
    aconselho contenção , pois até ao lavar dos cestos é vindima e a novela ainda está longe do fim.

    https://observador.pt/2019/07/31/associacao-alerta-que-golas-antifumo-podem-provocar-crises-respiratorias-agudas/

  23. “… podem provocar graves crises respiratórias, o poliéster … aquece e emana…”

    Isto é verdadeiramente genial !!!
    Como o fumo dos incendios florestais é “biologico” e não provoca crises respiratórias, antes inalar fumo que respirar pelas golas de poliester, certo ? Kagandas crânios que esta ditosa pátria pariu !

  24. e já fizeram os testes para verificar se as golas filtram as cinzas e essas cenas do fumo de árvores a arder ? os tipos que sabem disso mandaram as coisas pró lixo em Monchique , eles lá sabem. O Ricardo não faço ideia se percebe alguma coisas do assunto.

  25. ricardo, tombar ministros é vocação da oposição. Claro que a direita usa essa vocação em conluio com os seus abundantes agentes na CS.
    Mesmo assim nada obsta a que , vai não vai, acabem por ter razão.
    Para mim este é um dos casos em que governantes e os nomeados da PC se puseram a jeito para levarem merecida tareia.
    É a vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.