14 thoughts on “O Pai Natal é vermelho!”

  1. enquanto organizador do evento posso afirmar em nome dos outros que todos sabemos que foi a coca-cola que o pintou de vermelho, nao é grande segredo, aparece no público todos os anos por esta altura.

  2. Não percebo bem qual é o verdadeiro intuito do Nuno R Almeida com as suas repetidas inserções das caras famosas de valores passados da extensa carteira de valores da esquerda de fazer mossa.. Publicidade não é, como já confessou. Nem aula de anatomia, como esta a mostrar o sistema vasculoso do homem que mandou construir a Grande Muralha da China, nem pornografia, obviamente, nem para nos fazer rir. Será que temos de perguntar aos especialistas de “mind control” para fazermos a leitura correcta destas suas manias muito pouco pitorescas?

  3. Cara Fátima,

    É UM CARTAZ DE UMA FESTA DE OKUPAS. SUGIRO QUE SE DIRIJA AOS PRÓPRIOS E LHES PERGUNTE O SIGNIFICADO DO CARTAZ!
    A FESTA SERVE PARA RECOLHER DINHEIRO PARA UMA EDITORA E APOIAR AS PESSOAS PROCESSADAS NUMA OCUPAÇÃO DE CASA.
    PERCEBEU?

  4. Ó Andronicus,
    Então agora o Mao é que mandou construir a Grande Muralha?
    LOL.
    Está encontrada a piada do ano.

  5. o tao polemico cartaz assenta num collage (exercicio de conjucao de imagens de diferentes origens – vulgarizado pelos dadaistas) de vários elementos distintos.

    a imagem central nao foi criado exclusivamente para o cartaz, mas para um projecto de grafitti em barcelona.

    a sua funcao, modesta e humildemente, é ser iconoclasta, ou seja, que pela utilizacao se imagens e simbolos polemicos só por si e juntos se consegia passar uma ideia subversiva.

    nem todos os cartazes de eventos esquerdistas tem de ter cores fortes, gente de várias cores a sorrir, simbolos inchados, jovens alternativos.

    temos entao:

    mao tse tung, um dos maiores assassinos do sec 20, a encabecear um modelo anatomico enclicopedico.

    uma imagem do catalogo da sisley do fotografo agora famoso Terry Richardson. Richardson fotografa pronografia mas por ser um fotografo conceituado chamam-lhe arte.

    metralhadoras e estrelas: mais imaginario esquerdista.

    caveiras e seringas: as caveiras estao agora muito na moda, pelo menos entre as juventudes urbanas europeias. as seringas agitam o fantasma romantico da autodestruicao.

    a mulher deitada: anuncio a perfume da YSL censurado em franca.

    nao visivel: uma crianca a fumar e um suicidio.

    Repito mais uma vez, nao foi o Nuno Ramos de Almeida, a fazer o cartaz nem a organizar a festa.

    nao percebo porque tanto chinfrim á volta disto

  6. Caro José Mário Silva,

    Se conseguires encontrar uma fotografia na Internet, ou na tua colecção caseira, com alguem a posar na dita Grande Muralha antes da também Grande Vitória do nosso camarada Mao,estarei aqui para te apresentar as minhas
    desculpas por te mandar
    a “piada” do ano.

    Mas se não fores, vem aqui dizer-nos, pois pode ser que possamos aprender algo mais do que aquilo que se aprende quando lemos as explicações do autor do cartaz sobre as mensagens políticas nele contidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.