13 thoughts on “MEDALHAS”

  1. Será inveja dos condecorados? Afinal porque é que Portugal é avaro no reconhecimento do mérito? Porque é que em todo o mundo os poderes exercem abundantemente esse reconhecimento e cá é motivo de polémicas e chacotas? E porquê, ridicularizando Sampaio, se faz mais um geitinho ao grande, enormíssimo, extraordinário, próximo presidente professor Cavaco? Este, aliás, não vai nessa cantiga de condecorações… Ele existe lá alguém mais categorizado do que o próprio? Mérito em Portugal? Só se for no círculo próximo do casal presidencial.
    Saudações ultraperiféricas.

  2. «Mas a contabilidade aos 10 anos de actividade presidencial de Sampaio – ou de qualquer Presidente – tem obrigatoriamente de incluir o número e condecorações atribuídas, área em que o actual Chefe de Estado perde para os que o precederam no cargo.

    Tendo condecorado 1.896 pessoas nos seus dois mandatos (deverá ainda entregar aproximadamente mais 30 comendas até 09 de Março), Sampaio fica aquém das insígnias atribuídas por Mário Soares (2.448) e Ramalho Eanes (1.952).»

    Fonte: Diário Digital / Lusa

  3. Roteia, muito bem! Talvez como cá é motivo para este falatório todo, não se reconheça os “condecoráveis”, que não são poucos, estes deixem o nosso país e vão para onde são apoiados!
    Nunca se deve deixar de reconhecer o mérito dos outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.