aixpressões

Em meu entender a expressão ‘bispo vermelho’ nunca assentou bem em D. Manuel Martins. De facto ele não aderiu nem praticou a chamada ‘teologia da libertação’, criticada e condenada pelo então sr. Ratzinger. As palavras, como as pessoas, são elas e a sua circunstância. Ora a opinião (legítima) do bispo insere-se na campanha da ICAR contra a proposta do governo sobre os casamentos homossexuais. Na missa a que hoje assisti (e pressuponho que em todas, pelo menos na diocese pois foi invocada carta do cardeal patriarca) o sr. padre afirmou que a lei é contra a natureza e acrescentou que esta castiga os que a contrariam (ideia do crime-castigo). Mas o sr. bispo vai mais longe, como aliás sempre foi seu timbre meter foice em ceara alheia, e cito o que disse à RR: «tenho uma pena imensa que determinadas propostas se façam e se façam nesta altura. É uma provocação premeditada à consciência cristã de Portugal». Não é a «altura» que irrita o octogenário, porque antes diz «se façam». A sua expressão final: «tenham juizo» é de um auto-convencimento irritante. Como eu há-de haver muitos portugueses e cristãos que não vêem qualquer ‘provocação premeditada’. Não ficava mal ao sr. bispo, antes de dizer o que disse, ter lembrado o princípio, esse sim evangélico, “a César o que é de César, a Deus o que é de Deus”.
__

Oferta do nosso amigo aix

6 thoughts on “aixpressões”

  1. contra a natureza? É mas é contra o abuso sexual praticado ou conseentido pela igreja católica ao longo de décadas, ou melhor, séculos, de menores e não só. Assim se soltassem as vozes também em Portugal, cabrões.

  2. O bispo Emérito de Setúbal:

    A questão de vários comentários neste blogue deve-se à forma como o senhor bispo Emérito de Setúbal se dirigiu à maioria do povo Português. A Igreja teve sempre o conceito de tudo o que diz é a verdade pura, não admite que outros tenham ideias diferentes e depois advertem com o tenham “juízo”.

    Por muito que o senhor Bispo saiba e tenha experiência da vida, não se pode sobrepor às ideias dos outros, o que para ele pode ser vermelho para outros pode ser encarnado. Um pouco de humildade fica bem em certas pessoas iluminadas pela palavra de Cristo.

    Dito isto, vamos ao que está em causa. Não é verdade que há cerca de quatro anos a nossa vizinha Espanha, se confrontava com problemas idênticos? A Igreja espanhola não se opunha? Os juízes não usaram a objecção de consciência para não fazer estes casamentos? Todos sabemos que sim.

    Hoje em Espanha algum de nós ouve críticas da Igreja e dos juízes? Não. Então o que se passa agora. Chegaram a um acordo ou viram que realmente estavam enganados e passaram a ser mais tolerantes. O que nos faz falta a nós é sermos tolerantes, compreender a nossa diversidade e tentarmos viver com o que Deus projectou para a sociedade. Ou será que as boas obras são fruto de Deus e as más são do Diabo? Não acredito no Diabo. Diabos somos nós uns para os outros.

    Como sou a favor dos ditos populares e entendo que para grandes males grandes remédios.

    Deixem o Governo governar. Se está a praticar más medidas um dia há-de pagar por elas.

  3. Manuel Pacheco.
    muito certo o que dis. Os mesmos ronhosos sempre estão a porem a moral , da que eles são donos, em questão. Aquí o partido da direita fez forte campanha em comtra e a igreja e tudo o que ti contas. O partido Popular estava desejando que o PSOE aprobara a lei. Recem aprovada esta um autarca do partido popular na Galiza fez um casamento público com grande público e publicidade impresa .
    O casamento vieram grandes persoeiros diste partido que fazia um mês opunhase a lei. O bispo da cidade lanzou um pouco de fogo de inferno comtra tanta pulhice, foi respondido pela nai do autarca , fervente cristiá, que o seu filho era para ela un santo e o bispo mais semelhava o diabo.

  4. Houve lá ó meu palerma conheces por acaso o Bispo de de Setúbal
    -Por muito que o senhor Bispo saiba e tenha experiência da vida, não se pode sobrepor às ideias dos outros, o que para ele pode ser vermelho para outros pode ser encarnado. Um pouco de humildade fica bem em certas pessoas iluminadas pela palavra de Cristo.-

    Ó manel a ti é que te falta humildade para reconhecer o valor dos outros

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.