A TLEBS virada do avesso

AndradePeres.jpg

A discussão sobre a nova Terminologia Linguística chegou a um clímax (mas esperam-se outros) com o artigo, ontem, de João Andrade Peres, no Expresso.

A versão completa do estudo está no site do professor e investigador.

É um exemplo de competência, de frontalidade e de nitidez. Um exemplo, sem mais.

5 thoughts on “A TLEBS virada do avesso”

  1. Vale mesmo a pena ler com atenção.
    O que o homem propõe é mais termos. Destila fel pelas suas colegas. E que tal se ele nos poupasse aos seus ódios departamentais?

  2. Tenho algumas dúvidas quanto às certezas dos antitlebistas.
    Mas não sei bem porquê. Leio o EPC e o Graça Moura e disparam-se-me as dúvidas. E continuo sem saber porquê.

    Fui professor de português no ensino secundário, em 1981. Provisório e por um ano, apenas.
    Mas cheguei a tempo da “Nova Gramática Portuguesa” que pouco me incomodou, embora achasse estranho estarem então a inventar oito classes de palavras que já existiam no tempo em que aprendi pelas velhas regras.
    Na altura, achei também algo estranho ter que ensinar ( e aprender…) as novas designações arbóricas das palavras gramaticais, a imitar as genealogias esquematizadas e ainda certos termos como sintagmas.
    Essa experiência serviu para para um breve momento de ironia, quando fui a Atenas, anos depois e deparei lá com uma praça e uma estação de metro com o mesmo nome…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.