Promessas de Seguro (Actualização)

814663

“Muitas pessoas perguntarão: Será que, quando o Seguro diz que não promete o que não pode cumprir, não é só conversa? Não é mais uma conversa de político? Pois vocês que estão aqui – e conhecem-me desde pequenino – sabem que são palavras sérias sentidas e verdadeiras. Foi aqui que aprendi o valor da palavra. Foi aqui que aprendi que um aperto de mão sela um compromisso.”

António José Seguro

Continuando o trabalho que tinha sido uma promessa de Seguro (para ser justo, até começou por cumprir, mas fartou-se disso em 2013), eis a lista de promessas actualizada. Não cumpre ele, cumprimos nós.

Redução do numero de deputados Fonte
Plano de desenvolvimento para o interior Fonte
Reorganizar a reorganização administrativa Fonte
Reindustrialização do país Fonte
Eleitores escolherem o seu deputado Fonte
Separar a política e os negócios Fonte
Não aumentar impostos Fonte
Aumento Salário Mínimo Fonte
Acabar com a CES Fonte
Pagar todas as dívidas do estado Fonte
Reduzir IVA restauração para 13% Fonte
Dinamizar economia com investimento publico Fonte
Repor pensões e reformas no imediato Fonte
Manter o helicóptero do INEM em Macedo de Cavaleiros Fonte
Contratualizar serviços publicos com autarquias Fonte
Reactivação da ligação aérea entre Bragança e Lisboa Fonte
Menos impostos para as empresas no interior que criem empregos Fonte
Acabar com os sem-abrigo no país, numa legislatura. Fonte
Reabrir tribunais no interior Fonte
Baixar o IMI Fonte
Criar tribunais especiais para investidores estrangeiros Fonte
Igualdade salarial entre homens e mulheres Fonte
Criar espaço no site do ps.pt para registo de promessas Fonte
Governo de coligação, mesmo com maioria absoluta Fonte
Pagar a dívida até ao último cêntimo Fonte
Manter o espólio de Siza Vieira no país Fonte
Restituir o Tribunal de Resende Fonte
Contrato de desenvolvimento com o interior do Portugal Fonte
Fazer o IC35 entre Penafiel e Entre-os-Rios Fonte
Acabar com o Tratado de Lisboa Fonte
Criar cluster das florestas Fonte
Regras iguais para os pescadores portugueses e espanhóis Fonte
Referendo sobre coligações Fonte
Equilibrar as contas públicas com mão de ferro na gestão da despesa Fonte
Demitir-se caso seja necessário aumentar os impostos Fonte
Ter a sua freguesia de volta Fonte
Empresas só pagam IVA se o estado não tiver dívidas Fonte
Empresas só deduzem IVA se não tiverem dívidas Fonte
Cada escola decide o seu modelo de gestão Fonte
Contrato de confiança plurianual com Universidades e Politécnicos Fonte
Criar mecanismos para que os territórios onde existem recursos usados em benefício económico de outros tenham direito, automaticamente, a uma parte dos proventos. Fonte
Criar condições objetivas para a conciliação da vida política e familiar Fonte
Benefícios nos seguros de colheita Fonte
Baixar a fatura da eletricidade e do gás aos consumidores Fonte
Estado com pagamento a 30 dias Fonte
Sub-Total 45
Contrato de confiança (80 promessas) Fonte
Total
125

 

Para quem ainda recentemente disse numa entrevista ao Expresso “Sou muito criticado por fazer poucas promessas”, convenhamos que não está nada mal. Disso, pelo menos, já não o podem criticar.

Faltam 15 dias para as eleições primárias.

 

 

3 comentários a “Promessas de Seguro (Actualização)”

  1. falta aí aquela treta da reindustrialização da agricultura com impressão tridimendional de nabos de última geração.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *