8 comentários a “Espírito democrático”

  1. La dizeres que o Socrates (e o PS) nao se empenharam na campanha, concordo; agora, que o Socrates e um “vencedor”, com o pior resultado de sempre de uma lista apoiada pelo PS, acho que estas a ser demasiadamente maquiavelico (deixa isso para a Helena Roseta). Nao acredito que Socrates desejasse ter Cavaco na Presidencia, e por isso nao posso concordar que seja um derrotado.

  2. Já me estou a sentir melhor. Até ler hoje este post achava que só o execrável A. J. Jardim se tinha chegado á frente com semelhante teoria, a qual eu já andava a congeminar há tempos.

    Se o PCP ganhou fama em transformar derrotas em vitórias morais (e agora nem precisa disso) Sócrates assume derrotas que sabe serem vitórias internas(vejam-se as “vitórias” sobre Carrilho, João Soares e Francisco Assis).

    Ou sou demasiado conspiracionista?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *