29 thoughts on “Parece que ranhosos e imbecis não gostaram de ouvir isto”

  1. Nem acredito que levou um ano para que, no parlamento, alguém do PS dissesse ao PCP que têm exactamente o governo e as politicas que escolheram ter. E que aos da direita dissesse e exemplificasse que este o ajustamento “custe o que custar” não tem autoria socialista. Não foi assim tão doloroso pois não sr António?

  2. É sintomático que, na televisão, pelo menos na RTP, apenas tenham mostrado uma parte ínfima deste discurso, tipo um minuto, e aquela em que PSP refere o sentido de responsabilidade do PS.

  3. Bom dia Val,
    Os imbecis riam-se javardamente durante o discurso.
    Os ranhosos, na pessoa do imbecil Adão e Silva, mostraram bem o nível de indigência intelectual a que chegaram.
    A um bom discurso, com o qual se pode discordar, responderam javardamente em vez de usarem argumentos e procurarem soluções.
    Cumprimentos

  4. oh isabel! foste eleita para fazer o mesmo e não para comentadeira da estética do discurso dos outros, para bater palmas estão cá os votantes. vê lá se te despachas, que o pessoal ainda não viu nada.

  5. Val:
    Gostava de ver o vídeo em que Silva Pereira responde a Adão e Silva. Que elegância! Assim se vê a diferença entre um diplomata e um arruaceiro.

  6. Vejo que se perdeu a primeira parte do meu comentário e assim ninguém percebe…

    Resumindo, discurso excelente de Silva Pereira, posição do PS clara e bem explicada, inutilidade do PCP exposta com toda a crueza, para quem ainda a desconhecia, ao fim de tantos anos de repetição da mesma cassete…).

    Mas atenção ao principal: o PS que se despache na criação da prometida alternativa, pois não pode continuar por muito mais tempo a defender que este (des)governo vai desgraçar Portugal e comprometer irremediávelmente os próximos cinco ou dez anos (e é como se, para a minha geração, Portugal tivesse ido já pelo cano abaixo!) e deixar que ele continue a elaborar e a executar Orçamentos de Estado!

    Em Outubro, o mais tardar, o PS tem de DAR O PRIMEIRO SINAL de que NÃO ESTÁ PARA DAR MAIS TEMPO A ESTA SOLUÇÃO GOVERNATIVA ABSOLUTAMENTE DESASTROSA!

    Tratem de pôr o inSeguro a andar, dêem-lhe uma NOVA OPORTUNIDADE (talvez ele prefira tentar a sua sorte no PSD, por exemplo, ou mesmo sair da sua zona de conforto e emigrar para a Austrália com o seu amigo Coelhinho), mas resolvam lá os vossos problemas internos e saiam depressa do armário, QUE A MALTA JÁ NÃO AGUENTA ESTA CAMBADA DE AMADORES E IRRESPONSÁVEIS QUE ESTÃO AOS COMANDOS DA AVIONETA (para mais no meio de uma tempestade brutal, que exige treino, experiência e nervos de aço ao Comandante…)!

  7. Pela primeira vez o PS mostrou que não se envergonhava do seu passado mais recente, e que foi a chamada esquerda tradicional que esteve nas ajudas à cavadela do buraco onde estamos enfiados até ao pescoço… e deliberadamente o fez, com os interesses habituais daqueles que apenas se movem por estratégias que só a eles mesmo dizem respeito mas que deixam de fora todos os que não se regem pela cartilha bolorenta que continuam a utilizar.

  8. Já era tempo. Aquele discurso lavou-me a alma. E depois ainda pude ver, após a moção, o deputado António Filipe do PCP e Paulo Portas a dar palmadinhas amigáveis nas costas um do outro.
    Se aproveitada pelo jornalismo atento que nâo existe, seria a imagem perfeita para ilustrar o perfeito papel do PCP desde o 25 de Abril: o faz-de-conta que censura a direita para eleitor ver e o abraço clandestinio e ternurento à direita, sempre que se trate de escorraçar um governo da esquerda.
    Tinham-me dito que isto acontecia todos os dias,todas as semanas, todos os meses, todos os anos, mas eu achava que era a voz da má língiua contra os comunas. Mas não! Vi o mesmo homem que, ainda há momentos, chamara aldrabão e gatuno ao governante, sussurrar-lhe ao ouvido algo do género ” esquece aquilo de há bocado, pá; foi só para calar os meus comuninhas e garantir a sobrevivência do PCP, isto é , o tacho dourado da minha reforma”.

  9. Tivesse o secretário geral do PS a inteligência necessária para permitir, desde a primeira hora, este tipo de discurso aos seus camaradas de partido e talvez este governo tivesse tido alguma vergonha na cara e talvez, talvez, as coisas fossem hoje um pouco diferentes.

  10. As mentiras repetidas muitas vezes não passam a ser verdade.
    O PS e a direita já jogam há tanto tempo este jogo da oposição e da alternância, do bloco central de interesses, que conhecem os truques todos.
    É do conhecimento geral que o PCP votou contra todos os PECs, aprovados com o apoio da direita até ao momento em que a direita entendeu que o governo Sócrates já estava fragilizado, totalmente desacreditado, e não podia ir mais além. Mesmo assim, Sócrates saiu porque quis, como, aliás, Guterres e Barroso já tinham feito.
    Agora é o PS que vai apoiando a política de direita a pretexto da estabilidade política, a Bem da Nação, até que PSD e CDS não possam continuar a cumprir o papel que lhes foi destinado e Passos Coelho opte por outras missões.
    Nos intervalos, ambos falam como se nunca tivessem governado e não tivessem qualquer responsabilidade pelo passado e pelas políticas que nos conduziram ao estado em que nos encontramos.
    Veja-se, por exemplo, o que tem acontecido com a legislação laboral: desrespeitando a Constituição, governos do PS e do PSD foram sucessivamente aprovando legislação que retirava cada vez mais direitos aos trabalhadores, agravando a exploração, enquanto, na oposição, sem qualquer vergonha, assumiam o ar de hipócrita inocência ou fingida revolta.
    E mesmo se pode dizer das privatizações, da falta de apoio às pequenas empresas, das taxas moderadoras, dos cortes dos serviços públicos etc.
    Atacar o PCP para justificar as políticas de direita é argumento que tem barbas, que vai cansando, que desprestigia o discurso. Até porque há uma verdade incontornável: o PS e o PSD, com ou sem o CDS, governam (mal) este país há mais de 3 décadas e o fosso das desigualdades não para de crescer,
    O flagelo do desemprego e da fome é hoje uma realidade em Portugal. Os portugueses vão empobrecendo, mesmo a trabalhar. Os reformados têm visto a sua reforma degradar-se. Os jovens desesperam sem perspectiva de futuro.
    E os responsáveis por toda esta tragédia que arrasta o país para o desastre têm nome: PS, PSD e CDS!
    Acreditem que me custa muito ter que dizer isto do PS, onde tenho muitos e bons amigos, de muitos anos, de muitas lutas. Ainda acredito que os militantes e simpatizantes do PS que também sofrem com esta situação conseguirão ultrapassar preconceitos velhos e ajudar a romper com estas políticas e a reencaminhar Portugal no caminho do progresso e do futuro que merecemos.

  11. “Atacar o PCP para justificar as políticas de direita é argumento que tem barbas, que vai cansando, que desprestigia o discurso.”

    “camarada”edgar é o contrario, porra! Abre a pestana!!
    Só mais uma “novidade”: o muro de Berlim já caiu e nem em Cuba querem a trampa do regime que vcs preconizam.
    A vossa cegueira é uma lástima nacional!

  12. oh edgar! para que serve um partido com 8% de votantes? vá lá, dou uma ajuda, para desempatar. que me lembre, até hoje, o pcp só serviu para empatar a democracia e desempatar a vida da direita. se tiveres conhecimento de alguma votação dos comunas que seja relevante para a história da esquerda democrática, bota aí para eu me rir. o progresso do pcp é a falência do país para receberem percentagem nas indemnizações dos desgraçados que perderam postos de trabalho e explorarem os sentimentos dos mais fragilizados com a demagogia habitual de quem sabe que nunca formará governo e que inviabiliza sistemáticamente coligar-se. resumindo, que faz tarde, querem comer lagosta, mas à pala dos outros. é tempo dos portugueses que têm votado nessa inutilidade fazerem um manguito à irresponsabilidade desses gajos que passam a vida a lutar e não têm tempo para trabalhar.

  13. Nuno,

    obrigada pelo link….arrasador. Faz arrepiar e contraria desconfortavelmente muitos que têm o slogan na cabeça, para se sentirem mais confortáveis por terem proporcionado o surgimento deste “governo”, que NÃO, NÃO SÃO TODOS IGUAIS.

  14. de facto, o PCP só não é uma perfeita inutilidade, porque sempre vai contribuindo, com os seus 8% para as opções da desgraça. Esse é o terreno em que se sentem bem. Preocupação com os defavorecidos? My ass. Se assim fosse, não tinham feito a triste figura de contribuir para a lástima irreversível em que nos encontramos.

    Vergonha, Edgar, vergonha é o que deviam sentir…

  15. BLA BLA BLA

    O Socrates governou com o Silva Pereira.

    O Socrates tomou medidas muito gravosas, que nos conduziram á actual situação, com o apoio do Silva Pereira,

    O Socrates ajoelhou-se perante a Troika, com o apoio do Silva Pereira e a benção do PSD do CDS e do Cavaco,

    E a culpa é o Jeronimo.

    Tenham tino, e mudem A CASSETE.

  16. augusto,

    parabens pelo teu bala blabla. Vê-se que tens muitos anos de experiênca de K7. Qual foi a parte da crise internacional e do não cumprimento do memorando que não compreendeste, filho? (esquece, se te faz sentir melhor)

  17. De tão ranhosos que são nunca os vi atacar a União Nacional dos Tachos.
    Nem a aspirina os cura da vossa ranhosice.
    PS,PSD e CDS o mesmos donos, a mesma gente, os mesmos ranhosos em guerra uns contra os outros?
    Só para entreter os criançada.

  18. OS FASCISTAS VERMELHOS DESMASCARADOS POR UM SILVA PEREIRA SERENO E VERDADEIRO!

    Os comunas não prestam nem nunca prestaram. São imbecis e reles.

    Múmias estalinistas transformadas em tristes lambedores do cu da direita.

    Lambedores do cu do Cavaco e do Passos!!!!!!

  19. Senhor Edgar, quem tem que mudar é o pcp. 9% dos votos há 37 anos com governos de direita e do Ps no poder,é tempo suficiente para o seu partido fazer uma revolução no seu pensamento politico .Não peço ao Senhor para mudar,são muitos anos de militancia,a fazer fé no que o senhor me disse,mas pelo menos para pensar nisto: Então o meu partido que “defende” os trabalhadores,tem uma central sindical que “defende” os interesses dos trabalhadores (na minha empresa em 28 anos nunca assinaram um acordo colectivo…) e não saimos da cepa torta? Sr Edgar,vamos sair de portugal.quantos partidos comunistas estão no poder na europa? e no resto do mundo? não os cito para não o magoar. Qual a razão para sermos governados pelo PCP com o seu projeto de sociedade desacreditado pelos factos e,com uma europa capitalista à nossa volta. Eu como o senhor não gosto desta europa,(mas por razões diferentes ) mas até agora ainda não vi alternativa às democracias ocidentais O seu comunismo como o fascismo não são a solução para o nosso pais.termino com a sua frase inicial: as mentiras repetidas não passam a ser verdade.tem razão .foi com essas mentiras repetidas milhares de vezes, que se escondeu o embuste do socialismo real que o senhor defende paro o nosso pais.Cumprimentos,Maria Rita .Nota: na minha empresa tinha amigos comunistas com quem lidei inclusive nas CTs,mas digo-lhe, quase todos abandonaram o Pcp

  20. Maria Rita,
    a culpa do que se segue é do PCP

    Sobre a retirada de subsídios de férias e Natal
    Querem o vosso subsídio?
    Peçam ao fugitivo de Paris os 90,000 milhões de euros que aumentou na dívida pública entre 2005 e 2010.
    Peçam ao fugitivo de Paris, que decidiu nacionalizar o BPN, colocando-o às costas do contribuinte, aumentando o seu buraco em 4300 milhões em 2 anos, e fornecendo ainda mais 4000 milhões em avales da CGD que irão provavelmente aumentar a conta final para perto de 8000 milhões, depois de ter garantido que não nos ia custar um euro.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 695 milhões de derrapagens nas PPPs só em 2011.
    Peçam ao fugitivo de Paris,, que graças à sua brilhante PPP fez aumentar o custo do Campus da Justiça de 52 para 235 milhões.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 300 milhões que um banco público emprestou a um amigo do partido para comprar acções de um banco privado rival, que agora valem pouco mais que zero. Quem paga? O contribuinte.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 450 milhões injectados no BPP para pagaros salários dos administradores.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 587 milhões que gastou no OE de 2011 em atrasos e erros de projecto nas SCUTs Norte.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 200 milhões de euros que ?desapareceram?entre a proposta e o contrato da Auto-estrada do Douro Interior.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 5800 milhões em impostos que anulou ou deixou prescrever.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 7200 milhões de fundos europeus que perdemos pela incapacidade do governo de programar o seu uso.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 360 milhões que enterrou em empresas que prometeu extinguir.
    Peçam ao fugitivo de Paris, para cancelar os 60,000 milhões que contratou de PPPs até 2040.
    Peçam ao fugitivo de Paris,, que usou as vossas reformas para financiar a dívida de SCUTs e PPPs.
    Peçam ao fugitivo de Paris, para devolver os 14000 milhões que deu de mão beijada aos concessionários das SCUTs na última renegociação.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 400 milhões de euros de agravamento do passivo da Estradas de Portugal em 2009.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 270 milhões que deu às fundações em apenas dois anos.
    Peçam ao fugitivo de Paris, os 3900 milhões que pagou em rendas excessivas à EDP tirados à força da vossa factura da electricidade.
    E AGRADEÇAM AO FUGITIVO DE PARIS O SUCESSO DO DINHEIRO EMPATADO NO AEROPORTO DE BEJA!

  21. oh silva! tens a certeza que não te esqueceste de nada? dando de borla que é tudo verdade, tamém é verdade que está tudo repetido várias vezes, trocaste o nome e inscreveste novamente a verba. é um truque habitual nos comunas para martelarem as despesas de representação, almoçam 5x ao dia, fazem 2.000 km para ir de lisboa ao barreiro e andam ò papel nas gasolineiras para sacar uns talões de abastecimento.

  22. òh ignatz está enganado eu não sou comuna, pelo contrário. O que está escrito era só para os por á prova. Sempre queria ver quantos viriam defender o Sócrates.

  23. Abaixo o PCP.
    Defines na perfeição aquilo que a U.N.T. faz aos donos.
    Lava-lhes o rabinho com a língua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.