Os únicos socialistas bons são os socialistas condenados

Finalmente começaram a condenar socialistas. O primeiro foi Ricardo Rodrigues, o papa-gravadores de S. Bento. Este espécimen de corrupto fez gala em deixar-se filmar quando se passou dos carretos em frente a jornalistas. O resultado foi um duplo crime: atentado à liberdade de imprensa e atentado à liberdade de informação, agravados pelos danos abdominais causados em toda a Redacção e Direcção da Sábado, que ainda hoje andam a rir à gargalhada com o desvario do açoriano. Se existisse justiça neste mundo, mandavam-lhe um cheque gordinho como recompensa pelos aumentos de vendas e de publicidade que tanto crime junto conseguiu arranjar para a revista.

Quem se segue? A lista é infindável. Por exemplo, Vítor Constâncio e Teixeira dos Santos. O primeiro, porque fechou os olhos ao que se passava no BPN e, portanto, o cavaquistão não teve outro remédio senão gamar o máximo que pôde enquanto deu. O segundo, porque resolveu nacionalizar o banco em ordem a proteger Oliveira e Costa, Dias Loureiro e Cavaco, grandes amigos desse Governo socialista que fez com que o Estado pagasse a conta do colossal saque. Por exemplo, Guterres. Este corrupto queria quatro submarinos, tendo sido a bravura de Paulo Portas a conseguir reduzir a encomenda para dois. Assim, Portas abateu para metade a corrupção nessa negociata, embora Guterres deva ir a julgamento pela intenção de comprar os quatro cilindros; que é para aprender e se dar um exemplo à navegação em águas profundas. E que dizer de Paulo Campos? Foram só 700 milhões que meteu no bolso, ou no bolso das empresas amigas, o que vai dar ao mesmíssimo mesmo. E Lurdes Rodrigues? Ninguém se esqueceu dos 500 milhões em obras ilegais, logo a pedirem julgamento e implacável castigo. E Sócrates, o supra-sumo do crime, a mente diabólica que dominou este país recorrendo a técnicas dos serviços secretos e muita macumba? Como sabe quem leia o Correio da Manhã (e todos lemos, essa é que é essa), este mânfio empachou 300 milhões já devidamente colocados nos offshores de primos e tios, fora o que tinha recebido em envelopes castanhos de ingleses extrovertidos.

Há mais socialistas a merecer tribunal e cadeia. Vejam-se os casos de Santos Silva, Pedro Silva Pereira ou Vieira da Silva, por exemplo. Tanto apelido igual, ainda por cima judaico, não levanta logo uma suspeita com odor a enxofre? Não se conhece ponta por onde lhes pegar, mas basta olhar para aquelas carinhas que não enganam ninguém para tomarmos alarmada consciência do perigo que representam para a sociedade. E se começam a falar, então, é uma experiência insuportável, atroz. As cadeias de alta segurança fizeram-se exactamente para protegerem a gente séria de gente daquela laia.

O DIAP de Lisboa anda a investigar as despesas feitas pelo segundo Governo de Sócrates, após queixa da Associação Sindical dos Juízes Portugueses. Também Carlos Barbosa, em nome do ACP, entregou uma participação criminal contra Mário Lino e António Mendonça. Vamos ter esperança de que o Ministério Público despache as investigações com máxima celeridade porque há muito xuxa para meter no xilindró de modo a que em Portugal acabe esta pouca-vergonha de se ver a oligarquia aos papéis durante tanto tempo. Comunistas e bloquistas também estarão dispostos a ajudar a metê-los na ramona pelas razões que eles apregoam diariamente.

Temos de limpar este país de vez. É desta.

__

PS (et pour cause) – Já agora: esse tal de Jacinto Leite Capelo Rego, que andou a fazer umas maroscas na contabilidade do CDS, não será mais um militante socialista?

9 thoughts on “Os únicos socialistas bons são os socialistas condenados”

  1. A estratégia da direita, evidamente acolitada pelo PCP e BE, é colar várias personalidades de topo do partido socialista ao lado do cartaz-BPN (Dias Loureiro, Duarte Lima, Oliveira e Costa) para que o povo conclua: SAO TODOS IGUAIS.
    O triunfo desta tenebrosa manipulação está garantido porque conta com a total cooperação activa de todos os meios de comunicação social, propriedade dos amigos do BPN; com o apoio activo e empenhado dos magistrados, que farão exibir pelo tempo que for necessario à convicção popular, os cartazes com a as caras do criminosos, não julgando nem deixando julgar; com o silêncio aterrador de todas as instituições que deveriam cuidar da cidadania.
    Enquanto isto, a direita no seu conjunto, o BE e o PCP, emergem como os impolutos da Pátria.
    Abatem-se dois coelhos numa só cajadada: lava-se a cara e o nome do cavaquismo coberto de lama pela nefanda actividade desde a chegada dos fundos comunitários, enquanto se destrói a credibilidade do único partido que, de alguma forma, se foi opondo ao triunfo da máfia cavaquista.
    É fartar vilanagem! Arrelvados, nós? Não! Encavaquistados.

  2. e que valiosos eram os gravadores “roubados”. O Rodrigues tem de pagar 4.950 euros, aquilo devia ser tecnologia que ainda não foi inventada, ou não sei. Se compararmos com as multas dos arguidos do BPN, na proporção do prejuízo causado, até fica uma pessoa a pensar que a justiça está politizada e..hum…corrupta.

  3. A surpresa não é Ricardo Rodrigues ter sido condenado. A surpresa é o PS mantê-lo como deputado, depois do roubo e do atentado à liberdade de imprensa que cometeu. Bem prega Frei Tomás…

  4. A justiça já vai é tarde, bué de tarde, para meter essa matilha de xuxas e quejandos socráticos fdp, laranjinhas isaltinos e outros colossais vígaros panascas, na ordem e em sentido para com as leis mais básicas da républica.

    CABRÕES rosas que tiveram, e continuam a ter – depois de todas as evidências de aldrabice e incompetência – a VOSSA ajuda aspirínica e apaixonada no processo de branqueamento nojento a que se dedicam religiosamente (incluindo os acólitos profissionais que enchem as caixas de xuxu-mentários acéfalos e patéticos)

    Vocês merecem-nos até ao tutano, porque são vossos semelhantes e ESPELHOS dilectos.

    Esse Palhacito dos gravadores é uma nódoa de ranho, quando comparada com o esterco tóxico radioactivo parisiense, que se passeia pela Assembleia da Républica a fazer-nos lembrar-VOS em todo o VOSSO esplendor Circense de lesmas invertebradas ideológicas.

    Faço figas para que a justiça faça contas depressa com esses criminosos políticos …

  5. Bem merecida esta puniçâo do deputado socialista. E o facto de apenas serem punidos os socialistas ainda mais torna merecida esta setença. Os anginhos dos xuxas, na sua esmagadora maioria, convivem muito bem com Alberto João, Cavaco, Dias Loureiro, Duarte Lima ou o Paulo Portas do Jacinto Leite Cap$elo Rego. E com a justiça que globalmente os absolve ou deixa prescrever. Mercem ser enredados na teia que laboriosamente ajudaram a construir. Nâo esperavam era serem apenas eles os caçados.
    Venham os outros anginhos, que este xuxa já apanhou pela medida grossa.

  6. Esta frase é muito significativa: “Se existisse justiça neste mundo, mandavam-lhe um cheque gordinho como recompensa pelos aumentos de vendas e de publicidade”.

    Quanto ao resto, de acordo com tudo. Jacinto incluído.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.