8 comentários a “O Mal-Amado”

  1. O Cruise não me incomoda, mas tu és a súmula perfeita de uma criatura desprezível, besta kalamitosa. E essa tua tentação de vires aqui mijar nas paredes tem algo de canino. Queres marcar território ou não há retrete em tua casa?

  2. A censura era estúpida e fazia estupidos a nós todos. (ou seriamos estupidos mesmo sem censura).

    No dia 26 de Abri/74 e seguintes eram bichas para ver palcos de dezenas de mulheres nuas, que de artistas só tinham as mamas… era uma desilusão.

    Mas das bilheteiras onde se viram mais klms de bicha era para O Último Tango em Paris com o Marlon Brando.

    Então era a cara de parvo dos que saiam do cinema a olhar para as caras de parvo dos que faziam bicha na bilheteira para as sessões contínuas.

    Até hoje estou na dúvida se os censores me fizeram mais parvo do que sou!

  3. bem se tens essa duvida em ti, então sim alguma coisa afectaram.

    Mas pelo menos TU decidiste que esses filmes eram uma desilusão, ninguem tomou essa decisao por ti.

  4. Culasso,

    Isto aqui é conversa para adultos, não sei se reparaste. Põe-te na alheta, senão temos o mijo entornado. E não é assim tão canino urinar contra as paredes, grunhito, especialmente se for contra a tua fotografia. És fotogénico, alérgico a azotos, etc? Lamento. Tenho pena. Empresta aí o lenço.

    E aproveita a dica do Sportinguista ateu. Vai ver o filme. Aprenda a usar manteiga. Evita baixas vergonhosas ao hospital de primeiros socorros a culassos.

  5. Kalamitoso mijador de paredes, essa tua visível e colossal inclinação para a escatologia revela estares ainda na fase sub-anal da formação da libido, embora a tua mioleira tenha já completamente senilizado. És uma espécie de feto com aterosclerose cerebral.

    Estás aqui, estás no governo.

  6. Culasso,

    “Escatologia”? Obrigado pelo elogio, mas já saí do seminário há muitos anos. E relê o resto do teu texto, é bem possível que tenhas dado mais algum pontapé desse género. E não te esqueças que hoje é a tua vez de lavares a loiça do jantar. Ou talvez não, será a vez do Peidolas? Maldita senileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *