15 thoughts on “Era a minha preferência”

  1. Ai VAL !!!
    O Carvalhal ??? ( até rima )
    Dou-lhe até à Páscoa para se demitir ou ser demitido.
    Se bem me lembro das ultimas 5 ou 6 tentativas não se aguentou uma época.
    De qualquer das formas boa sorte para ele e para o Sportém.
    Cumprimentos

  2. também acho que apenas aguenta até ao fim da época, embora seja um bom treinador. provavelmente “gente boa” demais para lidar com os jogadores de bola do Sporting e até com o Sá Pinto…

  3. Rogério, feito. Já agora, quem gostarias de ver lá?
    __

    luis eme, é isso mesmo: parece ser um bom treinador. Acima de tudo, mostrou ser cordato na relação com a feira do futebol. Isso é muito bom sinal.
    __

    K, foda-se! Afasta esse mau agoiro.

  4. Val
    Se Carvalhal usar o mesmo sistema de jogo que usou quando treinou o meu Sport Clube Freamunde, na divisão de honra, reduzam as dimensões do campo para metade, não vão passar do meio campo tal o sistema defensivo. Podem vender alguns avançados, ele (Carvalhal) só vai optar só por defesas. Quem for defesa no próximo treino que se apresente à porta do estádio para ser contratado.
    Não tenho interesse nenhum, pelo contrário, não quero ver o meu neto Duarte, de sete anos com problemas de coração, é uma criança, isso é para vocês.
    Sorte para o Sporting.

  5. Caro VAL,
    a minha boca se bem que formalmente pareça uma aposta não o era.
    Mas não me importo de apostar.
    Temos de definir o quê ?
    Um jantar ? 20 euros ?
    Fico à espera da sua proposta.
    Cumprimentos

  6. o Boas. As alternativas são tremendamente assustadoras. Cheguei a temer que viesse o Cajuda. Se perderes a aposta – o que eu espero que não aconteça -, fazes um post a elogiar o Pacheco e o Zé Manel.

  7. O primerio grande teste vai ser o guarda-redes titular da selecção da Sérvia. O problema criado por PB será resolvido pelo Carvalhal??? Oxalá ele não seja daqueles «pobres» que escolhem a equipa de domingo por quem treina bem durante a semana e não por quem jogou bem no domingo passado. Oxalá ele não tenha os delírios e as alucinações do PB.

  8. «Paulo, o Sporting tem orgulho da sua capacidade de sofrimento(…) Todavia, contudo, porém, não admitimos que nos mandem calar. Ora, não só nos mandaste calar como deixaste que outros dois lampiões como tu, Moutinho e Veloso, repetissem o gravame. Por isso, e por não seres capaz de lidar com o verdadeiro leão Vukcevic, tens o estádio às moscas.
    Mereces um castigo valente, diga-se em abono da higiene no futebol. E perder com o Leixões não seria problema algum, se não fosse evidente teres perdido a equipa, teres perdido o bom-senso e teres perdido os adeptos. Espera aí, não te vás já embora – tens o telefone do Carlos Carvalhal?»

    Val, escreveste isto em 16 de Novembro de 2008.
    O que nos mostra duas coisas, a primeira que não percebes lá muito de futebol, eh, eh, eh… a segunda, lá coerente és tu.
    Foste o primeiro a apontar o Carvalhal, sim senhor, quase há uma ano.

    Olha… desejo ao Carlos toda a sorte que faltou ao Paulo.
    Gostei do futebol do Leixões (de Carvalhal) e gostei muito do futebol do Setúbal de Carvalhal e de Pitbull (ouviram? Pitbull).

  9. Manuel Pacheco, tendo em conta que a defesa do Sporting está uma desgraça, espero que cumpra com o que relatas.
    __

    António P., pois não era, mas eu aproveitei o balanço. É que eu gosto de apostas e jogatanas.

    Por mim, pode ser um jantar. Desde que regado a verde, claro.
    __

    Rogério, o Cajuda era penoso, realmente. Já o Boas, pois seria fixe, foi olheiro, deve ser bom observador – e é quanto basta no mundo da bola. Quanto à aposta, és cruel, mas um leão nunca se agacha.
    __

    jcfrancisco, para mim o teste é triplo: Veloso, Moutinho e Vukcevic.
    __

    pedro oliveira, concordo contigo: não percebo lá muito de futebol. Mas percebo de sportinguismo. Quanto à sorte, é ela que faz os treinadores, isso é certinho. O Paulo Bento foi-se embora com a carreira lançada, não se pode queixar do Sporting, e o Sporting ficará com ele como um dos seus mais estimados treinadores. Mesmo com o futebol de merda que apresentava.

  10. A minha escolha também é essa – pessoalmente gosto muito da Praia do Carvalhal em Tróia, mas é para passar férias… Já para treinador de futebol do meu clube, estamos conversados… Se o único objectivo do nosso Presidente-Catástrofe JEB “Frank Debrin” (o inesquecível tenente trapalhão do “Onde é que Para a Polícia?) era fazer-nos uma surpresa porque não já agora… o Chaló, o Barão, o Octávio Machado ou, sei lá, o Luís “Campas”!?! Até acho a personagem do Carvalhal simpática e desejo estar enganado, mas, sinceramente, acho que isto tem tudo para correr mal… Ainda assim, saudações leoninas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.