Da etiqueta ou outros desmandos…

Tendo em conta que recebi um postal de Natal em meados de Novembro, quando é que é socialmente recomendável deixar de desejar “bom ano novo” ao pessoal?

Para já, constato que o “BOM ANO NOVO” de boca cheia dos dias 1, 2 e 3 descambou, no dia 4, em “baAnove” dito entre dentes, e hoje, dia 5, já se nota um perigoso constrangimento na malta, tipo “bnove” dito com uma espécie de raiva, ainda que sem baba.

Dia 8, por este caminho, vão-se os resto das vogais. E vem um murro no focinho!

6 comentários a “Da etiqueta ou outros desmandos…”

  1. :D ó pá, eu desejo-te um ano muita bom!
    mas já hoje me desejaram «bom ano» acrescido de «epá, ainda se pode desejar bom ano!», ao que respondi «em fevereiro ou maio ainda estarias a tempo».

  2. Bom ano novo para as duas manas mai’lindas da blogosfera. E que caem sempre no mesmo tipo de posts. ;)

    Quanto a ti Luis, um grande bnv, já que o outro, o das vogais, desejei-to enquanto tentavas pegar fogo ao teu dedo e à casa do vizinho.

  3. Gosto mt deste faltimo, de camisa bracna e cale7f5es pretos e os JC, mas o meu preferido e9 aquele em q te1s de preto com umas sande1lias azuis!Adoro a maneira ne3o usual como te vestes.Estudas onde?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *