Resposta ao tweet de Ana Gomes traidor da própria

Veio-me ao conhecimento um tweet da Deputada Ana Gomes no qual ela afirma isto: “isabel moreira que me ataca por tentar expor corruptos nos submarinos era a mesma que assessorava Luis Amado para impedir inquéritos aos voos de tortura da CIA?”

Algumas notas por pontos:

  1. AG, quando desmascarada, atira lama em redor. É a técnica compreensível de quem saiu do MRPP, mas que continua com o MRPP dentro dela. Na verdade, desmascara-se com o desespero.
  2. AG, com este tweet, elevou o Correio da Manhã a um jornal respeitável.
  3. Que bom que fala nos voos da CIA, porque dizem mais sobre AG do que sobre a assessora (e com gosto) de Luis Amado (eu).
  4. Naquela altura, investigava-se, através de uma comissão temporária do Parlamento europeu da qual fazia parte AG (sim, AG era um dos elementos, não era um cargo unipessoal) se os países da UE tinham sido cúmplices por ação ou por omissão dos chamados voos da CIA que teriam transportado prisioneiros de forma ilegal para a infame prática de tortura que sabemos. Note-se que não estava em causa averiguar da responsabilidade dos EUA por tais atos horríveis, ou saber se a CIA voa (porque voa, convenhamos), mas saber se nós, conscientemente, teríamos colaborado em tal barbaridade.
  5. Lembro-me bem da primeira reunião com AG. O que queria a amante dos direitos humanos? Limitar a investigação ao período de governação de Barroso e de Portas, usando o processo para os queimar. Naturalmente levou 2 berros, porque um Ministro de estado não defende o PS, representa o Estado e, nesse sentido, a nossa investigação abarcou todos os governos, sem tentativas torpes de queimar pessoas, pelo contrário, abrindo todas as gavetas daquele ministério a começar pelas do tempo de então, o do PS.
  6. A partir daí, AG iniciou um processo de má-fé absoluta, com ajuda de alguma imprensa, mostrando-se nas tintas para os outros países e tudo fazendo para mostrar o impossível: Portugal tinha ajudado os EUA a fazer aquela monstruosidade.
  7. Lembro-me de ver peças processuais nossas truncadas nos jornais.
  8. Lembro-me de trabalhar com total seriedade, de enviar toda a documentação existente para a comissão temporária, para a AR e para PGR.
  9. AG fazia truques como enviar 30 questões e depois de uma semana de loucura para ter as respostas prontas enviar mais 30 e plantar nos jornais a notícia MNE não responde a questões sobre voos da CIA.
  10. É evidente que o ódio com que viveu aquele processo veio do facto de Luís Amado não ter acedido em usar o Estado para perseguir Barroso e Portas.
  11. E no final? Portugal foi ilibado pela comissão temporária e pela PGR.
  12. Estará AG a dizer que os seus colegas da comissão e a PGR também a “impediram” de revelar a verdade?
  13. Ficou a falar sozinha, eu era uma jovem assessora jurídica, mas aprendi muito sobre a má-fé alheia.
  14. Mau para AG ter falado neste caso, porque poucas coisas a revela mais do que o dito.

39 thoughts on “Resposta ao tweet de Ana Gomes traidor da própria”

  1. Cara Isabel Moreira,

    O Estado Português está, de facto, muitíssimo mal representado. Quando os eleitos pelo Povo se envolvem em disputas varinas e de comadrios mal resolvidos, eu congratulo-me por ser ABSTENCIONISTA. Resolva o assunto com a dita AG, use a sua energia (dispersa) em ASSUNTOS importantes, porque se todos forem como eu, o que se diz, sem estar devidamente documentado, não é digno de atenção séria.

  2. tão boas uma para a outra, peixeirada, oh-freguês-o-meu-é mais-fresco-que-o-dela. uma tem ódios de estimação e a outra estima odiosos. já era altura do costa erradicar a gosma no galilheiro e calçar os patins a ambas.

  3. tá documentado, tá, são 60.000 fotocópias, 20 milhões de euros, um benemérito chamado jacinto capelo rego e um fundo de investimento do abate de sobreiros com o nome felltree. a ana gomes tem um dedo especial para encalicrar tudo onde se mete e a moreirita aproveita para fazer uns favores aos ladrões.

  4. A PGR naquela época não ilibou ninguém, cara Isabel Moreira. A PGR arquivou o processo dos vôos da CIA (ainda pode ser desarquivado) por não encontrar indícios que sustentassem uma acusação. Acontece que todos nós nos lembramos como à época a PGR tinha uma grande dificuldade em encontrar indícios fosse do que fosse. Aliás até me espanto como sabiam encontrar o caminho de volta a casa quando saíam do trabalho.

  5. Ó birgem Ufendida, oube, a gente savemos que o teue provlema é mesmo a falta do tanas, mase ischu tu tenzes de resolbere. num ponhas in cauza queue soue abstencionista, tá beie? eue num paço procurações pra furto conssentido, tá beie? num boto, e o teisto que istá lá incima ilostra vem o que pençu desta gajada, taé beie? masze tu axas queue boue botare em gajas que beiem pra prassa puvlica dizere mal umas das ótras, ó birgem? hum? ou ca boue nas cumberças dos pulhiticus, pá? hum? ora bê lá. soue fáchista e depoise, hum? qué ca teins cuntra os fáchistaass pá? num bibo à custa de suvsidios, pá, porque tenho que pagare o passo e os libros aos xuxas e comunas e ótros da mesma panela, pá? bãoe travalhare, ó cumunas xuxas, tá beie? biba o capitalismo, cum cumida pra todus. e bibó salazarre, taméie. oqueie.

  6. A Ana Gomes é uma tarada, que não diz coisa com coisa, tal como o compadre Vital Moreira, quanto ao Luis Amado é farinha do mesmo saco, não são socialistas são tachistas parasitas do estado iguais aos primos coelhos Portas e outros que tais.

  7. Então mas isso não ficou mais que estabelecido que Portugal colaborou com a CIA para levar os tipos para Guantanamo e outras prisões secretas? Seja explicitamente ou em modo “don’t ask don’t tell”. Veja-se por exemplo: http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=3036077 – Relatório do ‘Open Society’ (G. Soros) de 2013.
    Nem percebo qual é a grande admiração.
    Ainda que tenha sido noutros governos, fizemos o encontro das Lajes antes da guerra do Iraque; quando foi para impedir a suposta fuga do Snowden, no avião do Evo Morales, também fizemos a vontade aos EUA. Exemplos de subserviência aos EUA como estes devem haver aos molhos…

  8. E triste ver o preconceito e o insulto fácil dominarem a caixa de comentários de um blog que faz tanto pela sanidade do espaço publico em Portugal. Muito boa resposta da Isabel Moreira as insinuações infundadas da Ana Gomes. Ajuda-nos a perceber a falta de cultura democrática da nossa deputada europeia.

  9. Caro Paulo Valente,

    Isso não foi no tempo dum PG que parece que tinha como máxima (Princípio da presunção da inocência/Blackstone formulation) ” Prefiro deixar 100 culpados escaparem livres, do que ter o trabalho de ir atrás deles ” ?

  10. Lamentável esta atitude impulsiva de Isabel Moreira, ajudando a enfraquecer o PS aos olhos da opinião pública. Se não estava de acordo com a sua companheira de partido, que não esconde o empenho em chamar Portas a contas, no que tem o apoio de larguíssimos milhares de portugueses, devia ter tido o bom senso de tratar do asssunto em privado com Ana Gomes. Se Isabel Moreira julga que a sua irada intervenção demonstra ódio contra Portas, desengane-se: o que ressalta é o carinho por Portas da deputada Moreira.

  11. Só quando a Isabel for para ministra da Igualdade e a Ana para ministra dos negócios estrangeiros esta peixeirada vai acabar, ou então tem de ser o Costa a pôr o galinheiro na ordem .

  12. a Isabel tem uma máscara que apresenta sinais e rugas de nervosismo avançado. Atira-se de cabeça à ANA, levada por uma revelação mal confirmada que o ESPESSO criou e de que só ele é de se lembrar e forjar. O que diz o semanário, que merece todo o crédito à Isabel filha do Moreira, é coisa que também merece suspeita no mínimo. O uso de “código” para dar tanga e baralhar o pagode, por parte de Portas, está a resultar. Portas sempre foi ministro (à)da defesa . A Isabel já “embarcou” na estória do ESPESSO. Quando se aperceber, já está a ir ao fundo agarrada ao periscópio e com o ar da idiotia certificada pelo P.P. A Ana vai ter razão se o processo não encalhar como pretendem alguns “marinheiros” com rosto aflito.

  13. Tem piada, na altura em que a Ana Gomes ( e um outro Coelho do PSD) andava a azucrinar o Sócras por causa dos vôos, pareceu que se estava a centrar na responsabilidade DESSE governo e não me lembro, sequer, de ela ter referido o Burroso (seu amigo pessoal) ou o paneleiro de merda ( e não sou homofóbico).
    Mas a Isabel deve estar mais bem informada do que eu, espero.

  14. Pensar que estas duas personagens falam por PORTUGAL!!!

    A peixeirada atingiu o nível do articulado. Duas pitas afogueiam-se com comentários deste JAEZ.

  15. Ó Tatas, oube, de factu, a Morreirita é maize de ladrare, num é? Mas olha ca Ótra, a barina da Gomes, tem aspectu de murdere, pença quissu lhe dá pudere, tás a bere? A Morreirita é mais do géneru dépassé de mrpp, fora de moda, cum bontade de ter ido ao woodstock, tás a bere, mas num foie, e agorra arma-se em defençora do que inbenta que faze falta à sociedade. Digu, eue, num çei. oqueie.

  16. Ó Isabele, pázinha, tu querres de factu fazere algu útile prá cumunidade? hum? Oube, faze aprubarre uma lei que rebogue o regime de pagamentus ( LATU SENSU, perceves?) dos deputados, tá beie? oube, gostas mesmu da cauza púvlica? Hum? distribui o teu rendimento, comu manda a constituiçãoe, tá beie? Oqueie.

    Apostu ca cuncordas cum a mnistra da jostissa, cum liveralizaçãoe das drogas, num é?

  17. a menistra da justiça quer a liberalização mazé das tascas, vender touriga nacional nas framácias e pôr o serviço nacional da bubadeira a comparticipar no cabernet sauvignon.

  18. além de inteligente, culto, perspicaz, fluente, absentencionista, fascista e com muito humor, tamém se acha um ganda urticário. dass… és o maior a partir espelhos, só falta achares petróleo no umbigo.

  19. Ó presuntos, oube, ovrigada pur me discreaberres açie, pázinho. Se tibesses ó pé de moi, daba-te cum um paio neça fuça, tás a berre, mas oube, eue num axo, eue tenhu a çarteza ca te causu órticária sim, ó meue. lole, lole. baie piscare pulgas em ébora pá, há pur lá muita massaroca pur discamizare, pá, tás aberre? hum? oqueie.

  20. Mais uma vez: vai levar na arrabadilha ó feijoada! Consegues ser mais esparvecido que os teus amigos da situação… Mas continua a vir para aqui a mostrar essa tua privação de coisas duras…

  21. ó contumaz, meue, sãoe ambas irritantes só dólharre pra élas e ópóie quando avrem a bucarra, saie só asneira abalizada pelo dono du partidu, tá beie?

  22. moderna, sobreiros, submarinos, pãesduros, pistolas e outras paneleirices, tudo para ofuscar o milagre económico e os recordes de exportações.

  23. Alvaes, mai frénde, ai bais, baes, baes cumere feijãoe mas num é cumigo, tá beie? tá suçagadinhu, xórisso, fogu o teue cutubelo debe duere, num é? hum? oqueie.

  24. Uma so se mostra +preocupada com as questões (n discuto se justas ou nao) que não afectam nem preocupam minimanete quem sofre a penurioa de uma politica austeritária. A outra n copnsegue tratar da dor de cotovelo por nunca ter sido escolhida para o MNE! O PS com estas amostras não vai longe!

  25. Cara Isabel Moreira,
    Será a primeira vez que escreverei alguma coisa sobre politicos ou políticas. Contudo dado estar envolvida essa senhora AG que além de muito feia tem todo o aspecto que a felicidade vem do rancor que tem pelos outros. Terá, imagino eu, alguns orgasmos quando vê alguém tramado que não seja das suas relações partidárias ou amizades.
    Dê-lhe com força porque ela tem corpo para aguentar.

    Um beijo grande para si, mesmo sem a conhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.