Intermitência

“O que me faz preferir-te em relação às outras é o facto de ser apertado”, digo, na ressaca do prazer, a N. “Sim, eu sei que o meu sexo é apertadinho”, responde-me ela, entre orgulho e satisfação. “É-o, sem dúvida. Mas, na verdade, estava a referir-me ao meu orçamento. Não dá, mesmo, para investir em melhor”, explico.

4 comentários a “Intermitência”

  1. Alargar, alarga, só que não descola, porque é mesmo apertado. Às vezes estamos piores que um «penis captivus».
    Hoje adorei ler o CC

  2. CC, ainda te queixas ? Podia ser muito pior…
    Sr doutor ando muito preocupada e aflita. – Então não fique assim, de certeza que está a exagerar e o seu problema é muito comum, diga lá, o que a preocupa ? – Não consigo manter um relacionamento estável com nenhum homem, todos dizem que tenho um sexo muito largo. – Deve estar a exagerar vamos lá ver, deite-se. Exclama o médico: Que granda (ona.. …ona ….ona ! – Eu não disse Sr doutor! Mas também não precisava de repetir três vezes. – Mas eu não disse três vezes, foi o eco. :-)
    (desculpem a ordinarice gratuita)

  3. :-) muito gosto eu de mãos de vaca. :-D

    há-de ter sido apenas a bexiga que alargou, fv, não? :-)

    isso de alargar dá-te para o plural, mário?:-)

    só desculpo se trouxeres outra, vm.:-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *